quinta-feira, 2 de outubro de 2008

Senado dos Estados Unidos aprova pacote de ajuda ao setor financeiro, com votos de Obama e McCain

Com o apoio dos dois candidatos à Casa Branca, o republicano John McCain e o democrata Barack Obama, o Senado dos Estados Unidos aprovou na noite desta quarta-feira o pacote de ajuda ao setor financeiro, de US$ 700 bilhões, proposto pelo Departamento do Tesouro e defendido pelo presidente norte-americano, George W. Bush. Submetido a reformas depois de ter sido rejeitado pela Casa dos Representantes (Câmara dos Deputados), na segunda-feira, o novo texto finalmente obteve apoio para ser aprovado. No Senado, foram 74 votos a favor (incluídos os de Obama e McCain) e 25 contra. Agora, o projeto, com as reformas incluídas no Senado após as negociações entre republicanos e democratas, deve seguir para a Câmara dos Deputados. "Estamos em uma situação muito perigosa, em que as instituições financeiras de todo o mundo temem emprestar dinheiro. Isso significa que se não atuarmos será mais difícil para os norte-americanos conseguir empréstimos", afirmou Obama, durante discurso de quase 13 minutos no Senado, antes do início da votação. Obama descreveu um cenário em que a crise financeira teria um efeito dominó em toda a economia nacional: "Se os negócios não conseguem empréstimos, não poderão pagar a seus empregados; se esses forem demitidos, não poderão pagar suas contas". "Poderemos ver o fechamento de milhares de empresas, corte de milhões de empregos, ao que seguiria uma dolorosa recessão. Em outras palavras, esta não é só uma crise de Wall Street, é uma crise americana", afirmou Obama. O republicano John McCain disse que a crise econômica se transformaria num desastre se o plano não passar no Congresso. "Se o projeto voltar a fracassar, a crise se transformará num desastre", declarou McCain. Os principais pontos do novo plano dos Estados Unidos são os seguintes: 1) o Departamento do Tesouro dos Estados Unidos terá a sua disposição os US$ 700 bilhões requisitados pelo secretário Henry Paulson, mas o montante não ficará disponível de uma vez só; do total, uma parcela de US$ 250 bilhões será liberada imediatamente, e outros US$ 100 bilhões somente se o presidente George W. Bush julgar necessário; 2) o Congresso pode reter os US$ 350 bilhões restantes se não estiver satisfeito com o desempenho do programa; 3) os contribuintes vão receber direitos de compra de ações (warrants), das quais podem se beneficiar assim que as empresas atingidas pelo programa se recuperarem; 4) o governo vai limitar os ganhos dos principais executivos das companhias participantes do programa; os chefes de empresas quebradas não poderão receber os benefícios multimilionários, os famosos bônus, quando forem despedidos; 5) o governo também vai elevar os impostos a empresas que paguem a seus executivos salários acima de US$ 500 mil por ano; 6) o governo terá participação em empresas que forem ajudadas; 7) o programa será supervisionado por um conselho, que deve incluir o presidente do Federal Reserve (banco central norte-americano), Ben Bernanke, entre outra altas autoridades; 8) o governo poderá renegociar os prazos das hipotecas que vier a adquirir para ajudar os moradores com problemas em saldar suas dívidas, a fim de evitar despejos; 9) o secretário do Tesouro poderá exigir dos bancos que comprem seguros, de modo a ter alguma cobertura para suas carteiras de investimento que incluam títulos de alguma forma vinculados a hipotecas.

TSE aprova envio de Forças Armadas para mais de 300 municípios nas eleições

O Tribunal Superior Eleitoral aprovou em sessão administrativa extraordinária nesta quarta-feira à noite o envio de tropas federais para mais 21 municípios. Com isso, sobe para 302 o número de municípios que deverão contar com a presença das Forças Armadas para garantir a segurança do processo eleitoral, no próximo domingo. No Rio de Janeiro, as tropas já estão presentes desde setembro. O custo dessas operações é da Justiça Eleitoral, que já repassou ao Ministério da Defesa R$ 41,6 milhões.

TSE proíbe máquinas fotográficas e filmadoras em cabine de votação

Os ministros do Tribunal Superior Eleitoral decidiram nesta quarta-feira à noite proibir o uso de celulares, máquinas fotográficas e filmadoras nas cabines de votação. Os aparelhos deverão ser depositados em uma bandeja ou guarda-volume antes do eleitor se dirigir à cabine para votar. De acordo com o Tribunal Superior Eleitoral, o objetivo da decisão é impedir o registro do voto pelos eleitores que se sentirem ameaçados por milícias e candidatos. "Esta providência concretiza a vontade da Constituição, que é de assegurar o sigilo e o segredo do voto, e deixar o eleitor inteiramente livre para decidir de acordo com a sua consciência. Aprendemos com a realidade", disse o presidente do TSE, ministro Carlos Ayres Britto.

Governo boliviano pede para opositores voltarem às negociações

O governo da Bolívia, do presidente cocaleiro e trotskista Evo Morales, pediu nesta quarta-feira aos governadores regionais opositores para retornarem ao processo de diálogo aberto para levar paz ao país, e disse "estranhar" e estar "preocupado" com a "ruptura unilateral" das negociações. "Pedimos aos governadores regionais para voltar à mesa de diálogo", disse o ministro da Presidência, Juan Ramón Quintana, o homem que realmente manda no País, verdadeiro representante do Foro de São Paulo, organização que reúne partidos esquerdistas, comunistas, socialistas, terroristas e traficantes de cocaína, fundado por Lula e pelo ditador Fidel Castro. Os governadores autonomistas romperam as conversações e justificam a interrupção das negociações com o fato de o governo do cocaleiro trotskista Evo Morales ter descumprido as bases do processo com uma "caçada" a cidadãos e líderes de suas regiões. O estopim da decisão anunciada nesta quarta-feira pelos governadores foi a prisão de um líder opositor do departamento de Tarija, no sul do país, acusado pelo governo de participar de um dos atentados contra gasodutos e refinarias cometidos durante os protestos opositores de setembro. Anote: o cocaleiro trotskista não quer paz coisa nenhuma, ele só quer tempo para implantar seu processo ditatorial.

TSE impede Aécio Neves de aparecer no programa de Lacerda no último dia

O ministro Felix Fischer, do Tribunal Superior Eleitoral, em decisão liminar, determinou a retirada da imagem e voz do governador de Minas Gerais, Aécio Neves (PSDB), do programa eleitoral do candidato Marcio Lacerda (PSB), que disputa em coligação com o PT e tendo apoio “informal” do PSDB para a prefeitura de Belo Horizonte. A decisão de Fischer atendeu a um agravo de instrumento apresentado dois dias antes pelo advogado Luís Gustavo Scarpelli, que representa a coligação da candidata do PCdoB, Jô Moraes.

Governo Lula pretende licitar mais oito usinas hidrelétricas em 2009

O secretário-executivo do Ministério de Minas e Energia, Márcio Zimmermann, informou nesta quarta-feira que o governo federal pretende colocar em licitação no próximo ano mais oito usinas hidroelétricas. Em 2008, o governo leiloou apenas as usinas de Jirau, no complexo do Rio Madeira, e de Baixo do Iguaçu, no Paraná, licitada no leilão de Energia Nova A-5, realizado pela Aneel (Agência Nacional de Energia Elétrica), através da Câmara de Comercialização de Energia Elétrica. Zimmermann adiantou que serão leiloadas as usinas de Barra do Pomba e Cambuci (ambas no Rio de Janeiro), além de cinco outras unidades na bacia do Parnaíba e da usina de Belo Monte (no Xingu, na divisa entre os Estados de Tocantins e Maranhão), a de maior capacidade com potencial de 11.182 megawatts. A intenção é que outras duas unidades entrem em licitação em 2010. "Faremos tudo para leiloarmos as usinas de Teles Pires e Tapajós em 2010", acrescentou ele. A primeira fica em Mato Grosso, e a segunda, no Pará.

Tarso Genro defende prorrogação do inquérito que investiga grampo contra ministro Gilmar Mendes

O ministro da Justiça, o peremptório Tarso Genro, defendeu nesta quarta-feira a prorrogação do inquérito da Polícia Federal que investiga escutas clandestinas contra autoridades dos três Poderes. Tarso Genro disse que os trabalhos devem ser prorrogados por "motivos técnicos" diante da "complexidade" do inquérito. "Esses processos inquisitórios mais complexos têm que ser feitos com muita cautela, muito cuidado. Eu recebi hoje um relato do diretor da Polícia Federal, a investigação está sendo feita com muita cientificidade, com muita profundidade, com rigor técnico e absoluta legalidade. Como se trata de um inquérito que tem enorme complexidade, é natural que se peça um prazo maior para se chegar às conclusões do relatório", afirmou ele. Como se vê, já não é mais o mesmo, já não é tão peremptório.

Remessas para América Latina caem pela primeira vez em dez anos

As remessas para a América Latina e o Caribe caíram em 2008, pela primeira vez na década, em conseqüência da desaceleração econômica nos Estados Unidos e na Espanha, da inflação e da desvalorização do dólar, anunciou o BID (Banco Interamericano de Desenvolvimento) nesta quarta-feira. O total de remessas para a região chegará a US$ 67 bilhões, mantendo o volume praticamente estável em relação aos US$ 66,5 bilhões enviados em 2007. "Na verdade, corrigido pela inflação, o montante deste ano ficará 1,7% menor que o do ano passado", indica o comunicado do Fundo Multilateral de Investimentos (Fomin), que pertence ao BID.

Presidente do Supremo pede à Procuradoria apuração de "falsa notícia"

O presidente do Supremo Tribunal Federal, ministro Gilmar Mendes, solicitou ao procurador-geral da República, Antonio Fernando Souza, que apure as informações divulgadas pela imprensa sobre um suposto jantar entre assessores da Corte e advogados do empresário Daniel Dantas, do Opportunity. De acordo com Gilmar Mendes, o jantar jamais ocorreu. Reportagem publicada na última edição da revista "IstoÉ" afirma que a procuradora da República do Distrito Federal, Lívia Tinôco, teria tido acesso a uma série de fotos de um jantar entre assessores do ministro e o banqueiro. Segundo a procuradora, o delegado da Polícia Federal Protógenes Queiroz, que conduziu as investigações da Operação Satiagraha da Polícia Federal, teria disponibilizado as fotos. Em depoimento prestado à Polícia Federal no inquérito sobre escutas telefônicas ilegais, o ministro informou: "Por um lado, realizam-se escutas e monitoramento do relator dos habeas corpus, por outro, divulgam-se para a imprensa falsas notícias e informações, com o propósito de colocar o juiz em situação de descrédito e intimidação", disse ele, em referência às investigações das Operações Navalha e Satiagraha. Os assessores da presidência do Supremo também encaminharam requerimento ao procurador-geral solicitando a realização de investigações para esclarecimento do episódio.

Superior Tribunal de Justiça condena juiz federal Paulo Theotonio Costa

A Corte Especial do Superior Tribunal de Justiça condenou nesta quarta-feira, por corrupção passiva, o juiz federal Paulo Theotônio Costa, do Tribunal Regional Federal da 3ª Região, à perda do cargo e a três anos de reclusão em regime aberto. O desembargador estava afastado de suas funções desde 2003, por decisão do Superior Tribunal de Justiça. Também foi condenado no mesmo processo o advogado Ismael Medeiros. A decisão em relação aos dois réus foi unânime. Segundo informa o Superior Tribunal de Justiça, a denúncia do Ministério Público Federal narra que, na década de 1990, Theotônio Costa conseguiu distribuir para si, fraudulentamente, um agravo de instrumento (recurso) interposto pelo banco Bamerindus no TRF3. O objetivo da instituição financeira era receber R$ 150 milhões do Banco Econômico, que à época se encontrava em processo de liquidação. Com o auxílio do desembargador, que segurou o agravo sem decidi-lo, permaneceu válida decisão anterior que havia beneficiado o Bamerindus. Ainda de acordo com a denúncia, o jovem e desconhecido advogado Ismael Medeiros teria sido contratado pelo banco Bamerindus apenas para assinar a petição inicial, mesmo tendo o banco um departamento jurídico próprio. Por esse trabalho, Medeiros recebeu honorários no valor de R$ 1,5 milhão, em dinheiro. Em seguida ele emprestou R$ 686 mil ao irmão do desembargador Theotônio Costa, seu amigo de infância. O empréstimo foi destinado às empresas Thema e Kroona, das quais o desembargador era sócio majoritário, para construção do empreendimento habitacional "Morada dos Pássaros", em Campo Grande. Ismael Medeiros informou que o empréstimo foi pago assim que as unidades habitacionais foram vendidas. Mas como toda negociação se deu com dinheiro em espécie, não há qualquer comprovação. Para o relator da ação penal no Superior Tribunal de Justiça, ministro Fernando Gonçalves, as provas permitem concluir que os réus praticaram corrupção passiva. Segundo o ministro, o magistrado agiu com dolo intenso (clara intenção), manchando o nome e a dignidade da justiça.

Justiça rejeita acusação contra Carla Cepollina pela morte do coronel Ubiratan

A Justiça de São Paulo rejeitou a denúncia (acusação formal) contra a advogada Carla Cepollina, suspeita de ter assassinado com um tiro o namorado, o coronel da reserva da PM e deputado estadual Ubiratan Guimarães, de 63 anos, morto em setembro de 2006. Comandante da operação conhecida como massacre do Carandiru, que resultou na morte de 111 presos em 1992 (sendo que 102 foram atribuídas ao coronel), Ubiratan foi baleado em seu apartamento, nos Jardins (zona oeste de São Paulo). O crime ocorreu no dia 9 de setembro, mas o corpo foi encontrado na noite seguinte, enrolado em uma toalha. A defesa da advogada afirmou que o Tribunal do Júri de São Paulo julgou a denúncia do Ministério Público improcedente. "Estou muito feliz. Sou inocente", disse Carla Cepollina. De acordo com os advogados, a Justiça considerou as provas apresentadas como insuficientes. O presidente do 1º Tribunal do Júri de São Paulo, Alberto Anderson Filho, considerou que não existem provas contra Carla Cepollina, alegando que ela foi a única investigada no crime e que faltou aprofundamento na investigação. "O que o juiz diz dá respaldo ao que Carla Cepollina sempre falou. Que ela saiu de lá e ele estava com vida. Estou convicta de que se o caso for reaberto, não será com ela como acusada", afirmou a advogada de Carla Cepollina, Dora Cavalcanti. A denúncia improcedente contra Cepollina foi apresentada à Justiça em novembro de 2006 pelo promotor Luiz Fernando Vaggione. É inacreditável. Quer dizer que todo o trabalho realizado pela Polícia Civil e pelo Mistério Público resultou nisso, em algo que é rejeitado pela Justiça por ser totalmente inconsistente? Estão bem os cidadãos brasileiros, com esse tipo de trabalho policial e com denúncias desse estilo sendo apresentadas pelo Mistério Público. Deus nos livre, chame o ladrão.

Odebrecht fecha acordo com Equador sobre usina hidrelétrica

A construtora brasileira Norberto Odebrecht divulgou no início da noite desta quarta-feira que aceitou os termos do acordo proposto pelo governo do Equador referente às obras de reparo da usina hidrelétrica de San Francisco. No dia 23 de agosto, o presidente equatoriano, o tiranete Rafael Correa, havia determinado o embargo dos bens e proibiu a saída do país de quatro funcionários da Odebrecht, alegando que a construtora se recusou a pagar ao governo uma indenização por danos na hidrelétrica. De acordo com a construtora, a central hidrelétrica foi construída em parceria com as empresas européias Alstom e Vatech e foi inaugurada em junho de 2007, nove meses antes do prazo previsto. A Odebrecht explicou que em junho deste ano, após uma parada de manutenção e inspeção programada, foram detectados alguns problemas pontuais na obra. Segundo a nota divulgada nesta quarta-feira, a empresa se comprometeu com o pagamento dos gastos decorrentes dos trabalhos de correção dos problemas verificados no túnel e de alguns componentes eletromecânicos, independentemente da apuração das responsabilidades. Além disso, estenderá a garantia contra defeitos das obras civis por mais um ano; dará garantia de cinco anos para os reparos efetuados; vai transferir à Hidropastaza, contratante da obra, a garantia adicional dos equipamentos e entregará a um fiel depositário US$ 43,8 milhões com o objetivo de garantir, após avaliação de Peritagem Internacional independente, responsabilidades que venham a ser atribuídas ao consórcio referentes ao pagamento de multas por paralisação da usina e devolução dos custos recebidos pela antecipação do prazo de entrega.

Fernando Gabeira e Eduardo Paes comemoram pesquisa Datafolha

A quatro dias do primeiro turno, o resultado da pesquisa do Datafolha publicada nesta quarta-feira gerou reações diferentes nos candidatos à prefeitura do Rio de Janeiro. Eduardo Paes (PMDB) e Fernando Gabeira (PV) comemoraram o resultado, enquanto Marcelo Crivella (PRB) e Jandira Feghali (PCdoB) criticam o levantamento. A sondagem mostra Eduardo Paes na liderança. O peemedebista aparece com 29% das intenções de voto, mesmo percentual da pesquisa divulgada no último sábado. Marcelo Crivella (PRB) oscilou um ponto para cima, para 19%, e Fernando Gabeira (PV), oscilou dois pontos para cima, para 17%. Com a margem de erro de três pontos percentuais, para mais ou para menos, os dois estão tecnicamente empatados. Eduardo Paes disse que tem avaliado as pesquisas com muito otimismo. "Me colocam mais uma vez na liderança. Fico feliz que me coloquem em primeiro lugar, independente do instituto que seja. Vamos continuar trabalhando com muita humildade até às 17h do dia 5", disse ele. Fernando Gabeira avaliou que "o resultado do Datafolha indica tudo aquilo que as ruas diziam e o que nós estávamos prevendo". "A disputa para ir ao segundo turno será voto a voto. Foi muito positivo para nós que a nossa ultrapassagem do candidato Crivella não fosse registrada ainda, que houvesse essa pequena diferença, porque vai ser um estímulo para os nossos eleitores", disse ele. O candidato do PV tem criticado as pesquisas do Ibope, que há uma semana lhe atribuiu 10% das preferências contra 24% de Crivella. A assessoria do candidato do PRB, por sua vez, disse que ele considera que o número registrado pelo Ibope é o mais correto. Jandira Feghali, que oscilou negativamente um ponto no Datafolha, para 12%, e soma 9% na última pesquisa Ibope reclamou de ambos levantamentos.

Compras por crediário cresceram 16% em setembro

As compras realizadas com crediário em São Paulo cresceram mais do que as realizadas com cheques em setembro, na comparação com o mesmo período do ano passado, segundo dados divulgados nesta quarta-feira pela ACSP (Associação Comercial de São Paulo). As consultas ao Serviço Central de Proteção ao Crédito cresceram 16%, já o SCPC-Cheque registrou um avanço menor, de 6,6%. A média diária de consultas do SCPC em setembro passado ficou em 7,1%, mantendo o crescimento médio registrado de janeiro a agosto deste ano, segundo a ACSP. A entidade também ressaltou que o crescimento do SCPC em setembro foi maior por causa dos dois dias úteis a mais no mês.

Guido Mantega rebate José Serra e diz que governo Lula faz economia de gastos

O ministro da Fazenda, o petista Guido Mantega, rebateu nesta quarta-feira críticas feitas na terça-feira pelo governador de São Paulo, José Serra, de que há uma expansão exagerada dos gastos e que há um déficit em conta corrente nas contas externas. Guido Mantega ressaltou que, pela primeira vez, o governo central (Tesouro Nacional, Previdência e Banco Central) apresenta superávit nominal. "Queria dizer ao governador, que aliás é meu amigo, para ele ver o resultado fiscal que foi apresentado ontem, onde o governo central está com superávit nominal. É a primeira vez que mantemos de janeiro até agosto superávit nominal, coisa que o governador quando era ministro do Planejamento, infelizmente, não conseguia fazer", ressaltou ele. Mantega afirmou também que os Estados não estão conseguindo fazer superávit nominal, o que seria o ideal. O ministro disse ainda que, apesar de setembro ter sido o pior mês da crise financeira, as reservas brasileiras estão intactas.

José Dirceu chama casal Garotinho de "cara de pau"

O ex-ministro chefe da Casa Civil, o deputado federal petista cassado (por corrupção) José Dirceu chamou o casal Anthony Garotinho (PMDB) e Rosinha Matheus (PMDB) de "cara de pau" em mensagem postada em seu blog. A Justiça Eleitoral proibiu Rosinha, candidata à prefeitura de Campos, de exibir imagens e declarações do presidente Lula (PT) em seu programa eleitoral na TV. "É muita cara de pau e cinismo dela e do marido, o ex-governador Anthony Garotinho, inimigos porque assim o decidiram do governo Lula - aliás, dos mais ferrenhos enfrentados pelo presidente em seis anos de governo", disse José Dirceu. Ele afirma ainda que a opção de ser inimigo do presidente Lula, do governo e do PT foi do casal: "Agora têm a coragem de querer usar o prestígio e a popularidade do presidente da República para vencer as eleições em Campos. Quem diria, hein?! Esse Garotinho não tem jeito, consegue ser pior que ele mesmo”. Eles se merecem, todos, e são todos iguais.

Governo Lula investe mais de R$ 180 milhões para compra de trigo e milho

O governo Lula informou nesta quarta-feira que vai investir, em outubro, R$ 181,5 milhões na aquisição de trigo, milho e sisal. A medida, segundo a Conab (Companhia Nacional de Abastecimento), faz parte da programação mensal das operações da Política de Garantia de Preços Mínimos. Desse total, R$ 100 milhões vão para compra de trigo, de forma prioritária, nos estados de Mato Grosso do Sul, Paraná, Rio Grande do Sul e São Paulo; R$ 2 milhões para o sisal, na Bahia, e R$ 79,5 milhões para Contrato de Opção e Compra Direta de Milho no Mato Grosso.

Banco do Brasil antecipará R$ 5 bilhões em crédito para agricultura

O ministro da Fazenda, Guido Mantega, informou nesta quarta-feira que o Banco do Brasil antecipará R$ 5 bilhões em crédito para o setor agrícola para suprir a falta de recursos causada pela crise financeira. Conforme o ministro, o banco antecipou o cronograma de liberação desses recursos e houve um remanejamento em alguns fundos para que não falte dinheiro para a agricultura. "O Banco do Brasil já está antecipando recursos para a agricultura, ele já está liberando mais recursos do que no ano passado. São aproximadamente mais R$ 5 bilhões que resolvem o problema e já está sendo antecipado", disse o ministro. Mantega disse o Brasil está tomando todas as providências para impedir que o mercado brasileiro seja prejudicado pela crise financeira internacional. "O Banco Central está fazendo leilões de dólares, dando linhas de credito, estamos estimulando os bancos a liberarem credito para viabilizar as exportações. Se isso não for suficiente, novas medidas serão tomadas de forma a irrigar essas linhas de credito", completou.

Lula pede a ministros que garantam crédito para o Natal do brasileiro

O presidente Lula pediu nesta quarta-feira aos ministros da área econômica que garantam recursos para que a falta de crédito na economia não comprometa o Natal do brasileiro. Segundo o ministro do Planejamento, Paulo Bernardo, que participou da reunião do governo para analisar a crise econômica internacional, Lula mostrou preocupação com a possibilidade de falta de dinheiro para as pessoas e para as empresas no final do ano. "O presidente pediu para que nós cuidássemos do crédito. Ele disse: 'ministros, cuidem do crédito, olha o Natal que está chegando”. Não é mesmo bondozinho este presidente brasileiro? Bernardo disse que, segundo Lula, os investimentos programados para esse ano, em especial os do PAC (Programa de Aceleração do Crescimento), não serão afetados pela contingência de crédito. "Ele reafirmou que nós não vamos deixar faltar recursos para os nossos projetos, principalmente para o PAC. Não vamos diminuir os investimentos por conta disso." Bernardo afirmou também que Lula determinou que seja feito um acompanhamento diário da crise, com reuniões semanais sobre o assunto. Ué, mas Lula não cansou de dizer que a economia do Brasil tinha alcançado um estágio de perfeição, que era blindada, que nada a atacava?

Em dois anos, número de internautas residenciais cresce 78% no Brasil

O Brasil atingiu em agosto deste ano o volume de 24,3 milhões internautas residenciais ativos, ou seja, este foi o número de pessoas que acessaram a rede ao menos uma vez por mês. Segundo relatório do Ibope divulgado nesta quarta-feira, o País teve crescimento de 78% em relação a 2006. Na comparação com o ano passado, o aumento foi de 26,1%. Também houve acréscimo entre julho e agosto, de 2,6%. Já o número de pessoas que moram em residências em que há computador com acesso à internet também cresceu e atingiu 36,3 milhões. Para todos os tipos de acesso (de residências, trabalho, escolas, LAN house, bibliotecas, telecentros), o Ibope detectou a marca de 42 milhões de pessoas na internet no segundo trimestre de 2008. O tempo médio de navegação do brasileiro em agosto de 2008 foi de 23 horas e 50 minutos, 4,3% menor que o tempo de julho, época de férias escolares.

Operadora de Portugal usa energia eólica para alimentar rede

A operadora portuguesa de telefonia móvel Vodafone anunciou nesta quarta-feira que já começou a produzir energia elétrica para a sua rede de comunicações móveis com a instalação de um sistema de microprodução eólica. A introdução do novo sistema de geração de energia, em conjunto com outros programas na área da eficiência energética, vai permitir "obter reduções de 15% a 20%, tanto do consumo global das estações-base, como das emissões de CO2", diz o comunicado divulgado pela companhia. A implementação deste projeto está em curso em 32 estações-base de telecomunicações da Vodafone em todo o país. O sistema tem como principal elemento um aerogerador de 3,5 KW instalado na torre de telecomunicações que, a partir da energia do vento, fornece parte da eletricidade necessária para o funcionamento normal dos equipamentos, incluindo a climatização do espaço em que se encontram. "A quantidade de energia produzida por uma turbina de 3,5 KW seria suficiente para alimentar uma habitação rural com um perfil normal de utilização de 4 pessoas", afirma a companhia.

Estados Unidos aplicam sanções a terrorista das Farc abrigado no Brasil pelo governo Lula

O Departamento de Tesouro dos Estados Unidos anunciou a aprovação de sanções financeiras contra oito dirigentes das Farc (Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia, organização terrorista e traficante de cocaína). Um deles, o colombiano Francisco Antônio Cadena Collazos, o Olivério Medina, tem status de refugiado político no Brasil desde 2006, concedida pelo governo Lula, mas está no País há cerca de dez anos, protegido por partidos esquerdistas e pela Igreja Católica. Conforme o Tesouro norte-americano, as sanções "congelam os ativos dos indivíduos e das instituições indicados que estão sob jurisdição americana e proíbem qualquer cidadão americano de ter transações comerciais ou financeiras ligadas a esses ativos". Os outros sancionados são os terroristas e narcotraficantes Jairo Alfonso Lesmes Bulla, o Javier Calderón; Efraín Pablo Trejo Freire; Orlay Jurado Palomino, o Comandante Hermes; Ovidio Salinas Perez, o Embaixador; Jorge Davalos Torres; Nubia Calderón de Trujillo, a Esperança; e Liliana Lopez Palacios, que é conhecida como Olga Lucía Marín. Para os EUA, os "sancionados", são "membros-chave da comissão internacional das Farc", representando a organização terrorista e traficante de cocaína na Argentina, Chile, Uruguai, Paraguai, Brasil, Peru, Equador, Venezuela, Panamá, México e Canadá. Collazos recebeu status de refugiado no Brasil depois de declarar que havia se desligado das Farc. Em 2003, ele foi condenado à revelia na Colômbia por formação de quadrilha e rebelião. A sentença determina prisão por 94 meses e 15 dias e pagamento de 137,5 salários mínimos, cerca de US$ 23 mil.

Dirigente do Grupo Gerdau é processado nos Estados Unidos

A Comissão de Valores Mobiliários (Securities and Exchange Comission) dos Estados Unidos processa o ex-vice-presidente da Gerdau, gigante brasileira de siderurgia, Carlos Petry. Ele é acusado de usar informação privilegiada na compra da empresa norte-americana Chaparral Steel Co. Petry pode ficar proibido de dirigir empresa por cinco anos nos Estados Unidos e ter de pagar US$ 166,3 mil para encerrar o caso, mais penalidades e juros. Em 2007, diz o jornal Tampa Bay, da Flórida, Carlos Petry lucrou US$ 105 mil na compra de ações da Chaparral, após sinalizar interesse.

Morre no Rio de Janeiro o historio milionário Baby Monteiro de Carvalho

Morreu na manhã desta quarta-feira, no Rio de Janeiro, aos 95 anos de idade, Joaquim Monteiro de Carvalho, o célebre Baby Monteiro de Carvalho, vice-presidente do Conselho de Administração do Grupo Monteiro Aranha e patriarca de uma das famílias mais ricas do Estado. Ele estava internado no CTI do Hospital Samaritano. Foi ele que trouxe a Volkswagen para o Brasil durante o governo Juscelino Kubitschek, e não precisava ter feito mais nada para colocar seu nome na história brasileira. Mas, além disso, ele era pai de Lilibeth Monteiro de Carvalho, a primeira mulher de Fernando Collor de Melo, ex-presidente da República de triste memória, que sofreu impeachment.

Governo gaúcho pretende implantar novo sistema de remuneração extra para professores até 2009

O governo do Rio Grande do Sul, de Yeda Crusius (PSDB), quer implantar um sistema de remuneração extra para professores gaúchos até 2009. Para que isso ocorra, a Secretária Estadual da Educação, Mariza Abreu, afirma que a Assembléia Legislativa terá de aprovar um projeto de lei. Segundo ela, a medida deverá estar implantada ao longo de 2009. Nesta quarta-feira, um seminário debateu o sistema de remuneração extra por produtividade para professores da rede pública de ensino. Foram convidados os secretários de educação dos estados de São Paulo e de Minas Gerais, que já possuem experiências de conceder bônus para escolas e profissionais. A premiação chegaria a até dois salários e meio a mais por ano. Mariza Abreu acrescenta que os programas funcionam a partir da avaliação da aprendizagem dos alunos por meio da aplicação de testes periódicos. O editor de Videversus tem uma neta estudando em escola pública. E pode atestar: do modo como está não pode continuar. Os professores praticamente não têm compromisso com a educação das crianças. Para dizer a verdade, muitos odeiam crianças.

Eleita nova diretoria do Cremers

Foi eleita na noite desta quarta-feira a nova diretoria do Conselho Regional de Medicina do Rio Grande do Sul. Até junho de 2010 estarão à frente da entidade os médicos Cláudio Balduíno Souto Franzen, como presidente, e Marco Antônio Becker, como vice. Ambos já faziam parte da diretoria, com Becker na presidência e Franzen na vice-presidência. A dupla e os demais membros da nova direção foram escolhidos pelos novos conselheiros da entidade. Eles também tomaram posse na noite desta quarta-feira, no anfiteatro do Cremers. A nova diretoria atuará no primeiro dos três períodos de vinte meses que compõem a gestão 2008/2013.

Vale anuncia investimentos de US$ 56 milhões na Argentina

A Vale do Rio Doce, maior produtora e exportadora mundial de minério de ferro, investirá 177 milhões de pesos (US$ 56 milhões) em diversos projetos de exploração na Argentina. Diretores da companhia brasileira se reuniram nesta quarta-feira com o secretário de Mineração da Argentina, Jorge Mayoral, que soube que, entre os planos da Vale, estão destinar 150 milhões de pesos (US$ 47,7 milhões) à prospecção e à exploração de potássio em Neuquén, no sudoeste do país. Outro projeto da mineradora brasileira é investir outros 27 milhões de pesos (US$ 8,5 milhões) na exploração de regiões potencialmente ricas em minério nas províncias de San Juan, Catamarca e Salta.

Ford comemora centenário do Modelo T

O Ford Modelo T (Ford Bigode), carro que iniciou a revolução do automóvel nos Estados Unidos e estabeleceu as bases da produção industrial moderna no século XX, completou 100 anos nesta quarta-feira. O veículo, desenhado por Henry Ford, foi concebido por seu criador como o verdadeiro "carro universal" com a intenção de revolucionar o mundo rural norte-americano. Quando o Modelo T apareceu, em 1º de outubro de 1908, custava apenas US$ 825,00 e estava disponível somente em uma cor. O Ford T original deu lugar a versões caminhonete e pickup, esta última ideal para o campo, onde foi muito popular. Em 1914, a demanda era tão grande que Henry Ford foi obrigado a encontrar outra forma de suas fábricas produzirem o automóvel. As mudanças deram lugar ao estabelecimento da primeira linha de montagem na qual o veículo era feito à medida em que percorria a fábrica. A mudança permitiu aumentar de forma espetacular a taxa de produtividade das fábricas da Ford, que passou de um veículo a cada 12 horas para um a cada 90 minutos. Junto a isto, Ford instituiu turnos de trabalhos de oito horas. Em 1921, as vendas do Modelo T eram mais da metade das registradas em nível mundial. Mas, em 1927, os concorrentes já tinham aprendido as lições e estavam produzindo veículos melhores e tão baratos quanto o de Ford.

Cerca de um milhão de pessoas já perderam emprego nos Estados Unidos por causa da crise financeira

A atual crise financeira é de proporções históricas e já causou a perda de um milhão de empregos nos Estados Unidos, afirmaram nesta quarta-feira, em Bogotá, diretores da Union Network International (UNI), uma das maiores associações de sindicatos do mundo. “Estamos em uma crise de proporções históricas. Acredita-se que quase um milhão de pessoas tenham perdido seu emprego”, afirmou em Bogotá o suíço Phillip Jennings, secretário-geral da UNI. Jennings disse que "seguramente os trabalhadores do mundo não ajudaram a causar esta crise". “A crise financeira foi construída sobre uma crise social profunda. É importante que aprendamos a lição”, disse ele. Segundo Jennings, "nos Estados Unidos os trabalhadores não tiveram um tratamento justo nas últimas décadas". E acrescentou: “É só o começo. A situação é muito grave e terá um grave impacto na economia internacional”. Para ele, em 2008, pelo menos 100 milhões de pessoas entraram na linha de pobreza como conseqüência da crise mundial.

Governadora Yeda Crusius abre as portas de sua fábrica de boas notícias em Rio Grande

A governadora do Rio Grande do Sul, Yeda Crusius (PSDB), esteve nesta quarta-feira na cidade portuária de Rio Grande e abriu as portas de sua fábrica de boas notícias. Em primeiro lugar, pela manhã, ela inaugurou o novo aeroporto da cidade, que recebeu mais de um milhão de reais em sua reforma, e agora poderá operar inclusive à noite. A nova infra-estrutura do aeroporto conta agora com a ampliação do saguão principal do terminal de passageiros, implantação do sistema de climatização ambiental das salas de embarque e desembarque, construção de nova sala de segurança, implantação de placas de sinalização e rampas para portadores de necessidades especiais, além de reformas nos banheiros e calçadas. Também foi adquirido novo mobiliário, colocados novos portões e feito o cercamento do terminal com tela. Para dar maior segurança, foi construído um muro de 1.900 metros de extensão, com altura de 2,4 metros, na cabeceira da pista próxima da BR 392. Outra ação importante foi a reativação do balizamento noturno, com a implantação do sistema de auxílio visual às operações noturnas, o chamado Papi. O sistema permitiu à Aeronáutica aprovar a mudança do tipo de operação do aeroporto, que passou de visual diurno para visual diurno e noturno. Segundo dados do Departamento Aeroportuário, vinculado à Secretaria de Infra-Estrutura e Logística, o volume de usuários de vôos regulares e de táxis aéreos em Rio Grande cresceu, nos primeiros três meses de 2008, 21,4% nos embarques e 23,7% nos desembarques em relação ao mesmo período do ano passado. Às 11 horas a governadora Yeda Crusius inaugurou o terceiro berço de atracação do Terminal de Contêineres (Tecon) do Porto de Rio Grande, no qual foram aplicados US$ 50 milhões, resultando no aumento de sua capacidade. A inauguração do terceiro berço de atracação do Terminal de Contêineres (Tecon) integra as obras de ampliação e consolidação do pólo naval de Rio Grande. Com o terceiro berço, o Tecon ganhará mais agilidade nos embarques e desembarques de cargas, podendo operar três navios simultaneamente. Dois novos portainers (guindastes de grande porte), destinados aos navios de contêineres de grande porte, classificados como post panamax (com capacidade para 4,5 mil TUs), já estão em operação. A consolidação do pólo naval do município constitui-se em um dos fatores responsáveis pela retomada do desenvolvimento econômico da Metade Sul. A boa oferta de áreas para expansão e o excelente calado do porto incentivam investimentos públicos e privados. Até 2012, o terminal portuário deverá alcançar investimentos de R$ 2 bilhões, resultando na geração de mais de 10 mil empregos diretos. A Secretaria de Infra-Estrutura e Logística, por um período de cinco anos, destinará mais de R$ 75 milhões a obras de dragagem de manutenção continuada dos canais de acesso ao porto. A empresa operadora do Tecon Rio Grande, a Wilson, Sons, tem com o Governo do Estado um compromisso contratual de expansão e modernização de sua estrutura. Movimentando 99% da carga de contêineres que passa pelo porto, o terminal pretende concentrar toda a carga dos países do Cone Sul.

CEEE vai construir linha Subaquática em São José do Norte

A governadora do Rio Grande do Sul, Yeda Crusius (PSDB), também anunciou mais uma excelente notícia para os moradores e empreendedores das cidades de Rio Grande e São José do Norte. Ele anunciou nesta quarta-feira que a CEEE (Companhia Estadual de Energia Elétrica) vai construir a travessia subaquática da linha de transmissão de 69 kV (quilovolts), entre as cidades de Rio Grande e São José do Norte. Com investimentos de R$ 20 milhões, a obra é importante para a expansão de projetos junto ao Porto de Rio Grande. Os recursos são custeados, majoritariamente, pelo governo do Estado, através da Superintendência do Porto de Rio Grande e do Grupo CEEE. A obra é fundamental para a garantia de fornecimento de energia com qualidade para a região, em razão de que a cada passagem de uma grande estrutura portuária pelo canal do Porto de Rio Grande os cabos da linha de transmissão precisavam ser retirados ou tracionados. Neste ano, essa operação foi executada por três vezes. Este é o terceiro empreendimento subaquático no Brasil. Os outros dois ficam em Santa Catarina e no Rio Negro, em Manaus. O projeto do Rio Grande do Sul está dividido em duas etapas: a primeira com duração de 120 dias, a contar da ordem de início do projeto, e que consiste no lançamento provisório dos cabos de potência, testes e energização, bem como a retirada dos cabos de energia da atual travessia aérea. Na segunda fase ocorre o lançamento definitivo dos cabos de potência e de fibra ótica, com previsão de término em 360 dias, podendo ser concluído em até 600 dias, em razão dos licenciamentos ambientais. Durante 15 anos, a população de São José do Norte recebeu energia elétrica através da linha de transmissão aérea de 69 mil Volts, isolada para 69 kV (quilovolts) e operando em 23 kV, que atravessa o canal de acesso ao porto rio-grandino, desde o Tecon, em Rio Grande, até São José do Norte, a 72 metros do nível da água. A obra, construída pela CEEE nos anos 90, permitiu integrar o município ao Sistema Interligado Nacional, uma vez que, até então, o fornecimento de energia era realizado através de duas usinas, que utilizavam óleo diesel. Essa linha foi projetada para permitir futura conexão à subestação de 12,5 MVA (megavolt-ampère), com previsão de execução, até 2010, no município. A linha de energia subaquática, de responsabilidade da Companhia Estadual de Distribuição de Energia Elétrica (CEEE-D), será executada pelo consórcio Prysmian Energia Cabos e Sistemas do Brasil S.A e LIG Global Service, vencedor da licitação, composto por projeto executivo, fornecimento de materiais e montagem da linha de transmissão de energia elétrica subterrâneo/subaquática, cruzando o canal de acesso ao porto de Rio Grande.

PMDB gaúcho se rende ao PT

A direção estadual do PMDB no Rio Grande do Sul distribuiu nota nesta quarta-feira na qual informa sobre o Estado de suas relações com outros partidos nas eleições municipais deste ano. A coisa que mais ressalta dessa nota é a constatação óbvia de que o PMDB gaúcho, finalmente, rendeu-se ao PT, e que isso terá uma conseqüência direta dentro de dois anos, na sucessão estadual. Consolidados todos os dados do diretório estadual, o PMDB/RS informa, por esta nota, que, obedecendo sua orientação da Resolução nº 01/08 de 14 de abril de 2008, foram celebradas coligações, assim divididas entre os vários partidos coligados: I) Nas eleições para prefeito municipal o PMDB participa com candidato próprio em 281 municípios; nestes, os candidatos a vice-prefeito são dos seguintes partidos: PMDB - 102 municípios; PT - 42 municípios; PDT - 40 municípios; PP - 37 municípios; PSDB - 23 municípios; PTB - 19 municípios; PSB - 8 municípios; DEM - 6 municípios; PPS - 4 municípios; II) nas eleições para o cargo de vice-prefeito o PMDB participa em 214 municípios, sendo o candidato a prefeito dos seguintes partidos: PMDB (chapa pura) - 102 municípios; PP - 32 municípios; PDT - 30 municípios; PT - 20 municípios; PTB - 9 municípios; PSDB - 8 municípios; PSB - 6 municípios; DEM - 5 municípios; PCdoB - 1 municípios; PPS - 1 município; III) os partidos com as maiores coligações com o PMDB, nas eleições 2008, são: a - em primeiro lugar está a coligação com o PDT, em 70 municípios; b - em segundo lugar está a coligação com o PP, em 69 municípios; c - em terceiro lugar está a coligação com o PT, em 62 municípios; d - em quarto lugar está a coligação com o PSDB, em 31 municípios; e - em quinto lugar está a coligação com o PTB, em 28 municípios; f - em sexto lugar está a coligação com o PSB, em 14 municípios; g - em sétimo lugar está a coligação com o DEM, em 11 municípios; h - em oitavo lugar está a coligação com o PPS, em 5 municípios; i - em nono e último lugar está a coligação com o PCdoB, em apenas um município. Conclusão: no Interior do Rio Grande do Sul, a tradição peemedebista impedia que houvesse a quebra da hegemonia do partido construída durante décadas. Agora essa tradição foi abandonada pelas lideranças partidárias, e as direções locais passaram a se comportar pelo novo catecismo peemedebista. Ou seja, o PMDB reedita a história do PDT que, cooptado pelo PT, passou quase a deixar de existir no Rio Grande do Sul, apesar da histórica tradição do trabalhismo. Anotem: o próximo passo do PMDB será desembarcar do governo de Yeda Crusius (PSDB) para começar o processo de aproximação e de montagem da nova coligação PMDB-PT que pretenderá assegurar a manutenção do poder por mais quatro anos no Rio Grande do Sul. O consórcio no poder, finalmente, adquirirá nova conformação, e se perpetuará.