sábado, 15 de agosto de 2009

Lucro do BNDES cai 83% no semestre

O lucro do BNDES caiu 83% no primeiro semestre deste ano, para R$ 702 milhões. O resultado foi afetado pela diminuição dos resultados de participações acionárias, de R$ 4,8 bilhões, nos seis primeiros meses de 2008, para R$ 1,3 bilhão, neste ano. O BNDES citou o mercado desfavorável para explicar a interrupção do processo de venda de ações que gerou a diminuição. O segundo fator que influenciou o resultado do semestre foi o aumento da despesa com provisão para risco de crédito, que atingiu R$ 1,1 bilhão em junho de 2009, em comparação com a receita de provisão para risco de crédito de R$ 400 milhões no mesmo período do ano passado. O banco informou que adota postura conservadora no provisionamento para risco de crédito, "ainda que a taxa de inadimplência esteja bem abaixo da média do sistema financeiro brasileiro". O índice de inadimplência no primeiro semestre ficou em 0,18%. Entre as influências positivas do balanço, está o aumento de R$ 2,7 bilhões da receita bruta de intermediação financeira no período, superior aos R$ 2,1 bilhões obtidos nos seis primeiros meses do ano anterior.