segunda-feira, 31 de agosto de 2009

Receita Videversus – aprenda a fazer Escondidinho com a chef de cuisine Simone Nejar

Ai meu Deus que saudade da Amélia/Aquilo sim é que era mulher/Amélia não tinha a menor vaidade/Amélia que era a mulher de verdade”. Poucos sabem que a Amélia que inspirou o samba de Ataulfo Alves e Mário Lago realmente existiu. Amélia dos Santos Ferreira foi empregada doméstica da cantora Aracy de Almeida, e de tão elogiada pela patroa, acabou imortalizada como “a mulher que não tinha a menor vaidade”. O belo samba, todavia, acabou santificando a imagem da mulher que se anula em prol do companheiro, vivendo a sua própria vida em função das conquistas do outro. É o caso daquela mulher tratada por Senhora Fulano. Ela é apenas um apêndice do outro. Muitas saem do jugo do pai diretamente para o jugo do marido, e assim permanecem, indiferentes à liberdade que sequer conhecem. Infelizmente nosso Brasil está cheio de mulheres assim, cuja vontade é determinada sempre pelo parceiro, não raras vezes um parceiro que pode se tornar violento quando contrariado. As “amélias”, ou “mulheres de Atenas”, como canta o Chico, “quando fustigadas não choram, se ajoelham, pedem, imploram, mais duras penas, cadenas”. Infelizmente ainda temos muitas amélias e muitas mulheres de atenas em nosso País. É preciso acordar essa mulherada, que vive tal e qual a bela adormecida, achando sempre que o beijo do príncipe vai curar as feridas que ele mesmo causou. As mulheres que vivem neste círculo vicioso e cruel custam a abrir os olhos. A Lei 11.340, conhecida como Maria da Penha, que já completou seu terceiro aniversário, está aí para proteger as amélias e ensinar os príncipes a não se portarem como sapos. Nosso prato de hoje é escondidinho. Ele pode ser feito com purê de aipim (mandioca) ou purê de batatas, e recheado com carnes e especiarias. Eu cozinhei um quilo de aipim e passei no espremedor, juntando uma xícara de leite, uma colher de sopa rasa de sal e uma colherinha de açúcar. Preparei o recheio fritando em azeite rodelas de uma linguiça grande com uma cebola picada. Juntei azeitonas, queijo provolone picado, tomates secos e reservei. Coloquei num refratário metade do purê de aipim, cobri com o recheio, e despejei a outra metade do purê, levando ao forno para derreter o queijo provolone. Você pode preparar o escondidinho com vários recheios. O tradicional é feito com carne seca, mas você pode – e deve – inovar.

Minoritários não poderão usar FGTS para aumentar participação na Petrobras

A ministra chefe da Casa Civil, a candidata petista Dilma Rousseff, disse nesta segunda-feira que os acionistas minoritários que compraram ações da Petrobras com recursos do FGTS não poderão utilizar dinheiro do fundo para aumentar sua participação na estatal durante a capitalização da empresa. A empresa abrirá um processo de aumento de capital em que emitirá ações destinadas ao governo em troca de barris de petróleo. O projeto de lei, enviado nesta segunda-feira ao Congresso Nacional, prevê que essa operação deverá ocorrer em 12 meses. No momento em que emitir ações para o sócio majoritário, a Petrobras terá também que oferecer aos acionistas minoritários a opção de exercerem o direito de aumentar proporcionalmente sua participação na empresa. A ministra explicou, porém, que os que compraram ações com o FGTS terão que usar recursos próprios se quiserem exercer seu direito. Quá quá quá...... Dona Dilma está querendo dar barrigadas de riso nos brasileiros. Desde quando brasileiro que compra ação com dinheiro do FGTS tem poupança para investir em ações? E ela se diz socialista!!!!!

Preço do petróleo cai abaixo de US$ 70,00 em Nova York e Londres

Os preços do petróleo encerraram negócios nesta segunda-feira por menos de US$ 70,00 em Nova York e Londres, depois que a Bolsa de Xangai despencou e esfriou as expectativas de uma recuperação rápida da demanda mundial da commodity. Na Nymex (Bolsa Mercantil de Nova York), o barril de petróleo bruto tipo WTI para entrega em outubro fechou em US$ 69,96 dólares, em baixa de 3,82% em relação ao fechamento de sexta-feira. Já no InterContinental Exchange, de Londres, o barril do Brent do Mar do Norte, com igual vencimento, perdeu 4,31%, fechando em US$ 69,65.

Senado tenta aprovar em tempo recorde nova eleitoral para mudança vigorar em 2010

O Senado vai tentar aprovar em tempo recorde, ainda nesta semana, o parecer sobre a nova lei eleitoral para permitir que as mudanças entrem em vigor na disputa de 2010. Em reunião conjunta, as comissões de Ciência e Tecnologia e Constituição e Justiça do Senado vão tentar votar a proposta nesta terça-feira, para que seja analisada no plenário da Casa na quarta-feira. As mudanças precisam ser aprovadas até o dia 30 de setembro pelo Congresso para que entrem em vigor nas eleições do próximo ano. Como o Senado fez alterações no texto da lei eleitoral, a matéria terá que retornar para nova votação na Câmara antes de seguir para a sanção do presidente Lula. O parecer, de autoria conjunta dos senadores Eduardo Azeredo (PSDB-MG) e Marco Maciel (DEM-PE), já recebeu 90 emendas, das quais 16 foram apresentadas à proposta desde a última quarta-feira, quando o texto foi lido no plenário da Comissão de Constituição e Justiça. Os relatores rejeitaram 11 das 16 novas emendas ao texto, mas acataram cinco que serão incorporadas ao parecer principal. Entre as propostas que vão ser discutidas no âmbito na lei eleitoral está a de autoria da senadora Serys Slhessarenko (PT-MT) que sugere aos candidatos identificar sua raça ou cor no cadastro da candidatura. O objetivo da senadora é permitir que a Justiça Eleitoral realize estatísticas sobre os candidatos no que diz respeito à cor da pele. Outra emenda, de autoria do senador Eduardo Suplicy (PT-SP), sugere que os candidatos divulguem a prestação de contas das campanhas no dia 30 de setembro de 2010, dois dias antes da disputa, além dos dias 6 de agosto e 6 de setembro, como já previsto na lei. Os nomes dos doadores, porém, seriam mantidos em sigilo para evitar prejuízos aos candidatos às vésperas da disputa. Outra emenda proíbe a propaganda institucional de inaugurações de pedras fundamentais de obras públicas, enquanto sugestão apresentada pelo senador Álvaro Dias (PSDB-PR) permite que um candidato que não tenha suas contas de campanhas anteriores julgadas pela Justiça Eleitoral entrem na disputa caso as tenham apresentado em dia.

Só 1% das universidades brasileiras obtém conceito máximo de qualidade no MEC

Apenas 21 entre as 2.000 instituições de ensino superior avaliadas em 2008 pelo Ministério da Educação obtiveram nota máxima no Índice Geral de Cursos. O indicador, que foi divulgado pela primeira vez no ano passado, atribui notas às faculdades e universidades levando em consideração a qualidade dos cursos de graduação e pós-graduação. De acordo com a pontuação, as instituições são classificadas em faixas que vão de 1 a 5. Entre as universidades com a maior avaliação, 11 são públicas e dez privadas. A nota mais alta ficou com a Ebape (Escola Brasileira de Administração Pública e de Empresas), do Rio de Janeiro, que é particular. O ITA (Instituto Tecnológico da Aeronáutica), que é federal, ficou com o segundo lugar, seguido pela Famerp (Faculdade de Medicina de São José do Rio Preto), estadual paulista. Em último lugar no ranking está a Fama (Faculdade de Ciências Jurídicas e Sociais de Maceió), que é privada. O IGC foi criado para subsidiar o trabalho das comissões que fazem as avaliações in loco nas instituições. Se a visita confirmar as condições inadequadas da oferta de ensino nas instituições que obtiveram IGC 1 e 2, elas podem sofrer sanções que incluem o descredenciamento. Dependendo da gravidade da situação, ela pode ter o número de vagas reduzidos nos cursos deficientes, a suspensão temporária ou definitiva do processo seletivo e, em último caso, o descredenciamento da instituição. Do total das instituições avaliadas, 884 (44%) obtiveram IGC 3, considerado razoável. Dezoito instituições ficaram com IGC 1 e 570 com IGC 2, considerados ruins, o que representa quase 30% do universo de entidades avaliadas. Mais de 300 instituições ficaram sem conceito porque não houve participação mínima dos alunos de alguns cursos no Enade (Exame Nacional de Desempenho de Estudantes). A nota da prova é um dos fatores que compõem o CPC (Conceito Preliminar de Curso), utilizado para o cálculo do IGC. Esse é o melancólico quadro da educação superior ao final de dois anos de governo do PT e do presidente Lula.

USP é classificada como a 38ª melhor universidade do mundo

A USP (Universidade de São Paulo) foi classificada como a 38ª melhor universidade do mundo em um ranking elaborado por órgão de pesquisa do governo espanhol. O ranking, elaborado duas vezes por ano pelo Conselho Superior de Pesquisas Científicas do Ministério da Educação da Espanha, classifica 6.000 instituições do mundo, dentre 17 mil avaliadas. A base da classificação é a visibilidade e o desempenho global da universidade, o que inclui indicadores de pesquisa e de qualidade de estudantes e professores. A USP foi a única universidade brasileira a figurar entre as cem primeiras da lista e foi a primeira da América Latina. A Unicamp (Universidade Estadual de Campinas), a segunda brasileira citada, ficou na 115ª posição. Em relação à edição de janeiro, a USP subiu 49 posições. Em relação à edição do ano passado (quando ficou classificada na 113ª posição) a universidade do governo paulista subiu 75 posições. Na primeira colocação, aparece o Instituto de Tecnologia de Massachusetts (MIT), seguido pela Universidade Harvard e a Universidade Stanford em terceiro. As três são dos Estados Unidos, país que ocupa as 21 primeiras posições da lista. A primeira não norte-americana é a Universidade de Cambridge, da Inglaterra (22ª). As outras instituições brasileiras citadas entre as 300 primeiras são: Universidade Federal de Santa Catarina (134ª), Universidade Federal do Rio Grande do Sul (152ª), Universidade Federal do Rio de Janeiro (196ª), Universidade de Brasília (204ª) e Universidade Federal de Minas Gerais (241ª). Os gaúchos, como já se suspeitava, estão levando uma verdadeira surra dos catarinenses, que têm, hoje, uma das melhores universidades do País. Não é para menos. Florianópolis é uma cidade absolutamente encantadora e estimulante. E seus estudantes são muito melhores do que os gaúchos.

Terroristas das Farc entregam a famílias provas de vida de mais nove reféns

As famílias de seis policiais e três militares sequestrados pelas Farc (Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia, organização terrorista e traficante de cocaína) receberam nesta segunda-feira provas de vida de seus parentes. O material, que revela que dois deles vivem acorrentados há dois anos, foi entregue em forma de vídeo à senadora Piedad Córdoba, muito próxima aos terroristas e traficantes de cocaína, que entregou as provas aos familiares dos sequestrados. Nas fitas aparecem o general Luis Mendieta, os capitães Edgar Yesid Duarte e Enrique Murillo, os tenentes William Donato e Elkin Hernández, e o intendente Álvaro Moreno, todos eles da polícia. As imagens também mostram os sargentos do Exército Arbey Delgado e Luis Alberto Erazo, além do cabo José Libio Martínez, que há 12 anos é mantido em poder das Farc. A diretora da Associação Colombiana de Familiares de Membros da Polícia Retidos e Libertados por Grupos Guerrilheiros (Asfamipaz), Marleny Orjuela, disse que o ex-congressista Orlando Beltrán, refém das Farc até o ano passado, foi quem, indiretamente, acorrentou dois dos sequestrados. "Com tristeza, devo dizer ao país que justamente um dos políticos que, graças a Deus, está livre foi quem acorrentou Arbey Delgado e William Donato”. "Não é possível que venham dizer que as Farc são cruéis porque mais cruel é um político que faz favores às Farc", acrescentou Marleny Orjuela. Segundo ela, o ex-congressista delatou uma fuga planejada pelos sequestrados. O comportamento de vários políticos que foram mantidos como reféns pelas Farc tem sido questionado depois de sua liberação. Entre eles está Ingrid Betancourt, ex-candidata à Presidência, símbolo do sofrimento dos que eram mantidos em cativeiro, e que foi resgatada em uma operação militar em julho de 2008. Ingrid Betancourt foi acusada de atuar de forma "arrogante" e "oportunista" durante o cativeiro por três de seus ex-companheiros reféns, os norte-americanos Keith Stansell, Marc Gonsalves e Tom Howes.

Eros Grau arquiva em definitivo pedido de reabertura de ações contra José Sarney

A decisão do ministro Eros Grau, do Supremo Tribunal Federal, de negar pedido para a reabertura dos processos que envolvem o presidente do Senado Federal, senador José Sarney (PMDB-AP), não será analisada pelo plenário do tribunal. Eros Grau arquivou em definitivo o pedido de sete senadores para que os processos contra José Sarney fossem analisados pelo plenário da Casa. Em sua decisão, o ministro argumenta que a questão é interna do Congresso Nacional, por isso o Supremo não pode se manifestar sobre temas "interna corporis" do Legislativo. Com a decisão de Eros Grau, uma vez que o Supremo é a última instância do Poder Judiciário, os senadores terão que acatar sem contestações o arquivamento dos 11 processos contra Sarney pelo Conselho de Ética do Senado. Nunca passa pela cabeça desses senadores – é claro – apelar à vontade maior da Nação, de onde deriva todo o Poder, ou seja, o povo. Se há uma coisa da qual político não gosta é de povo mobilizado. Sempre que isso acontece, os políticos são obrigados a fazer o que não lhes agrada. Para felicidade geral deles, a mobilização popular é figura em extinção, que não acontece mais no País desde o movimento pelo impeachment de Fernando Collor de Melo. Que é senador agora. Que tal? Eles sempre dão a volta. Mas, quando povo vai à rua, consegue o que quer, mesmo que o Supremo Tribunal Federal não queira.

Ministério da Saúde diz que incidência de tuberculose cai mais de 27% em dez anos no País

Um balanço do Ministério da Saúde informou nesta segunda-feira que a incidência de tuberculose caiu 27,58% em dez anos (1999 a 2008) no País. O levantamento mostrou que o número de casos detectados da doença passou de 51,44 em cada grupo de 100 mil habitantes, em 1999, para 37,12, em 2008. De acordo com a pesquisa, o Brasil registrou 82.934 novos casos no final da década passada, contra 70.379 no ano passado. Com a queda de pessoas infectadas pelo bacilo de Koch (causador da doença), a taxa de mortalidade também caiu de 3,62 para 2,38 por 100 mil habitantes, o que corresponde a uma diminuição de 34,25%. O levantamento apontou que o Estado com maior número de casos de tuberculoses é o Amazonas (68,93 por 100 mil), e o Rio de Janeiro aparece em segundo lugar (66,56).

Ferroviários da ALL fazem greve por melhores salários

Os ferroviários da ALL (América Latina Logística) entraram em greve às 6 horas desta segunda-feira, e afirmam que a adesão ao movimento grevista é grande e que já conseguiram paralisar trens no litoral e no interior de São Paulo, além dos Estados de Mato Grosso e Mato Grosso do Sul. Já a empresa, no seu papel, diz que nenhum trem foi paralisado. Segundo José Antônio Matias, diretor e secretário-geral do Sindicato dos Ferroviários paulista, os trabalhadores da empresa pedem um aumento de 6,48% em relação aos salários de dezembro de 2008 e melhoria nas condições de trabalho, especialmente dos maquinistas. De acordo com Matias, a adesão é forte e impede a circulação de grande parte dos trens na Baixada Santista e nas regiões das cidades de Bauru, Araraquara e Paulínia. A companhia afirma que, segundo a lei de greve, o transporte ferroviário de combustíveis e alimentos é essencial para o País, não podendo sofrer paralisação integral.

Banco do Brasil começa a oferecer serviços de varejo nos Estados Unidos

O Banco do Brasil informou nesta segunda-feira que já começou a oferecer serviços de varejo bancário a partir dos Estados Unidos. A subsidiária integral do Banco do Brasil em território norte-americano vai permitir que residentes possam fazer transferências para o Brasil com crédito em tempo real, desde que o beneficiário também tenha conta corrente do banco público. O serviço também será oferecido na modalidade tradicional, em que os dólares somente são convertidos quando o beneficiário fizer a conversão no Brasil. O banco pretende oferecer o serviço de remessas por tarifas que oscilam entre US$ 4,90 e US$ 20,00. O banco vai utilizar uma rede de agentes credenciados para oferecer o serviço de remessas, identificados com a marca "BB Money Transfers". O Banco do Brasil prevê ampliar a rede de dez estabelecimentos em Connecticut, Flórida, Nova Jersey e Nova York para 100 até junho de 2010, com foco nos Estados norte-americanos com maior concentração de brasileiros.

Supremo julga na próxima semana pedido de extradição do terrorista Cesare Battisti

O Supremo Tribunal Federal vai julgar no dia 9 o pedido de extradição do terrorista italiano Cesare Battisti. Preso no Brasil desde 2007, ele foi condenado à prisão perpétua na Itália por quatro homicídios. A Suprema Corte terá que avaliar se o processo de extradição do terrorista Battisti deve ser extinto, porque ele recebeu, em janeiro, status de refugiado político do peremptório ministro da Justiça, Tarso Genro. A discussão sobre o caso Battisti deve envolver a questão da invasão ou não do Poder Executivo nos assuntos do Poder Judiciário.

Até agora, Lula começou a fazer só 3,7% das casas prometidas

Cinco meses depois de lançar oficialmente o programa habitacional “Minha Casa, Minha Vida”, o governo Lula só conseguiu iniciar as obras de 36,6 mil casas, ou apenas 3,7% do total de 1 milhão de imóveis prometidos por Lula. Ou seja, o programa é um programa de casas de papel. Uma das principais bandeiras do Planalto e do PT para as eleições de 2010, o programa tem encontrado uma extraordinária dificuldade para colocar de pé as casas prometidas para a população mais pobre, alvo de 40% do programa. Essas casas atenderão as famílias que ganham até R$ 1.395,00 (três salários mínimos) e serão integralmente subsidiadas pelo Tesouro Nacional. De acordo com o balanço da Caixa Econômica Federal, até o dia 20 de agosto foram contratados 223 empreendimentos no programa, em um total de 36.633 imóveis. Desse volume, 40 projetos (14.488 casas) serão destinados às famílias de baixa renda. O programa é uma aposta para fazer deslanchar a candidatura à Presidência da ministra chefe da Casa Civil, Dilma Rousseff. É um programa eleitoreiro. Até agora o programa não entrou no orçamento da União.

Cartórios adotam novo horário a partir desta terça-feira em Porto Alegre

A partir do dia 1º de setembro, os tabelionatos e cartórios de registros civis, de imóveis e de protestos terão horário de atendimento ampliado e ininterrupto, sem fechar ao meio-dia. A medida foi expedida nesta segunda-feira pela Direção do Foro de Porto Alegre. A alteração de horário foi definida em consenso, a partir da realização de reuniões da Direção do Foro com representantes do colégio notarial e registral. Os novos horários são os seguintes: Serviços de Registros de Imóveis e de Títulos e Documentos - das 09h às 17h, ininterruptamente; Serviços de Registro Civil das Pessoas Naturais e Serviços Notariais - das 09h às 17h30min, ininterruptamente; Serviços Notariais e de Registros de Belém Novo e da Restinga - das 09h às 17h30min, ininterruptamente; Serviços Notariais de Protestos Cambiais - das 09h às 16h, ininterruptamente; Central de Plantão dos Serviços de Registro Civil das Pessoas Naturais - diariamente das 20h às 24h e da 1h30min às 05h.

Governo de Yeda Crusius paga mais R$ 1 milhão em precatórios

Dez audiências de conciliação foram realizadas nesta segunda-feira pela Justiça gaúcha com credores. O total pago em precatórios do Estado do Rio Grande do Sul e do IPE (Instituto de Previdência do Estado) chegou a cerca de R$ 1 milhão. Dez audiências de conciliação foram realizadas na tarde desta segunda-feira, com credores de precatórios do Estado. Seis terminaram em acordo, duas pessoas não compareceram e duas pediram suspensão dos processos para analise dos cálculos. Um dos credores morreu. É a quarta etapa de audiências desde a retomada dos pagamentos das dívidas judiciais em maio. A governadora Yeda Crusius retomou o pagamento de precatórios que os últimos governos tinham suspendido. O Rio Grande do Sul tem mais de 4 bilhões de reais de dívidas em precatórios. Quase a totalidade dessa dívida foi produzida pelo governo petista de Olívio Dutra, pela administração do IPE. O então presidente da entidade, Eliezer Pacheco, marido da deputada federal petista Maria do Rosário, praticamente não podia comparecer ao trabalho, porque estava sendo sempre procurado por um oficial de Justiça com ordem de prisão contra ele. O petista Eliezer Pacheco suspendeu os pagamentos de aposentadas e pensionistas, causando um gigantesco rombo nas contas públicas gaúchas.

Polícia indicia presidentes do CPERS e da CUT por campanha contra Yeda Crusius

Os petistas gaúchos presidentes da CUT e do Cpers foram indiciados por campanha publicitária contra a governadora do Rio Grande do Sul, Yeda Crusius (PSDB), veiculada entre maio e junho deste ano. A Polícia Civil indiciou o presidente da Central Única dos Trabalhadores (CUT), o petista Celso Woiciechowski, e a vice-presidente do Cpers, Rejane Silva de Oliveira, no caso de uma campanha publicitária contra a governadora Yeda Crusius, veiculada entre maio e junho deste ano em rádio, televisão, jornal e internet. Segundo a polícia, a acusação é de peculato e crime contra a honra. Conforme inquérito remetido à Justiça gaúcha nesta segunda-feira, a campanha publicitária extrapolou os limites da liberdade de expressão, ofendendo a pessoa da governadora do Estado.

Junta Comercial gaúcha já expede certidão simplificada pela Internet

Começou a funcionar nesta segunda-feira o serviço de emissão pela Web das chamadas Certidões Simplificadas. É só clicar no endereço www.jucergs.rs.gov.br e buscar as áreas “Como Faço e Obtenho, Solicitação e Emissão de Certidão Simplificada”. Em 30 minutos a certidão será expedida para o e-mail de quem a pediu A emissão afastará das filas 48% dos clientes que pedem certidões e voltam ao órgão público três dias depois para pegar a cópia. O governo do Rio Grande do Sul, comandado pela governadora Yeda Crusius (PSDB), tem introduzido mudanças muito significaticas nas práticas burocráticas das repartições públicas, facilitando o acesso e imprimindo velocidade.

Tarsila Crusius já ajuizou processo contra Cpers e sua presidente

A filha da governadora Yeda Crusius, Tarsila Crusius, já ajuizou ações contra a presidente do Cpers, Rejane de Oliveira, e o próprio sindicato petista dos professores públicos gaúchos. Tarsila Crusius representa seus dois filhos menores, João Guilherme e Vinicius. Trata-se de ação indenizatória por danos morais que já tramita no 1º Juizado da 4ª Vara Cível do Foro Central de Porto Alegre. Rejane de Oliveira e o Cpers já foram citados. Tarsila Crusius contratou os serviços do escritório do advogado Fábio Medina Osório. O processo cível versa sobre as agressões realizadas contra as crianças defronte a casa da governadora Yeda Crusius, em julho, lideradas pela presidente do petista Cpers. Outras ações ainda serão ajuizadas pela filha da governadora Yeda Crusius, desta vez contra os jornais Zero Hora, O Estado de S. Paulo e Folha de S. Paulo que publicaram fotos dos netos de Yeda Crusius, amedrontados, chorando, atrás das grades da casa da governadora gaúcha, após terem sido apavorados pelos professores petistas na hora em que deveriam sair da residência para irem para a escola. Os três jornais, que poupam as imagens de menores estuprados e assassinos, não tiveram a menor contemplação com as imagens dos netos de Yeda Crusius apavorados pela sanha petista.

Ministro Joaquim Barbosa volta à atividade no Supremo Tribunal Federal

O ministro Joaquim Barbosa, do Supremo Tribunal Federal, retomou nesta segunda-feira suas atividades na Suprema Corte depois de se afastar por 20 dias para se submeter a um tratamento para dores nas costas. Mas, no Tribunal Superior Eleitoral, Joaquim Barbosa ainda ficará afastado até o dia 10 de novembro, quando termina sua licença médica de 90 dias para o tratamento de coluna. Durante os três meses de afastamento do Tribunal Superior Eleitoral, Joaquim Barbosa está sendo substituído pela ministra Cármen Lúcia. Joaquim Barbosa, o ministro que gosta de ouvir o “ruído das ruas”, é um o que mais falta a sessões e fica ausente de decisões no Supremo Tribunal Federal.

Ministério Público Federal acusa que obra do Interlegis foi superfaturada

Ação do Ministério Público Federal denuncia desvio de R$ 4,7 milhões na construção de prédio do Senado Federal. Criação do espaço que custou mais de R$ 9 milhões foi autorizada por ato secreto. A construção do prédio do Interlegis no Senado foi superfaturada em R$ 4,7 milhões, segundo denúncia do Ministério Público Federal que aguarda decisão da Justiça Federal em Brasília desde agosto de 2004. A ação civil pública tem como réus a construtora Delta Engenharia, vencedora da licitação, e as empreiteiras Via Engenharia e Contarpp Engenharia, subcontratadas para tocar a obra, e seus respectivos responsáveis. Também foi denunciada a ex-diretora do PRODASEN, Regina Célia Peres Borges, personagem conhecida como autora da violação do painel do Senado que resultou na renúncia, em 2001, dos senadores Antonio Carlos Magalhães (falecido) e José Roberto Arruda, atual governador do Distrito Federal. Embora Regina Célia Peres Borges tenha assinado os cinco aditivos do contrato com a Delta que deram origem à denúncia de superfaturamento, o juiz responsável pelo caso resolveu deixar a análise sobre a responsabilidade da ex-funcionária para o fim do processo.

Blog de Lula entra no ar sem permitir comentários

O diário eletrônico do presidente Lula, batizado de “Blog do Planalto”, já pode ser acessado na internet a partir desta segunda-feira, no endereço http://blog.planalto.gov.br. Em mais uma ação para estreitar sua comunicação direta com a população, Lula criou o blog para divulgar ações da Presidência da República, a exemplo da coluna semanal "O presidente responde", publicada desde julho em quase uma centena de jornais regionais do País, que encaminham ao Planalto perguntas de leitores. Segundo a Secretaria de Comunicação Social da Presidência (Secom), o blog será um instrumento para o presidente falar diretamente com setores cada vez mais numerosos da sociedade que se informam pela internet. Como Lula detesta ler e escrever, e deve ser incapaz de juntar as letras para formar uma frase compreensível, seu blog é escrito por uma equipe de jornalistas da Secom, que funcionam como seus “ghostwriters”. O blog também entrou no ar sem permitir que leitores possam dar suas opiniões sobre os textos publicados. Ou seja, o blog não é um blog. E Lula não gosta de crítica, por isso não abre espaço a comentários em seu blog.

Lula cede à pressão de Estados produtores de petróleo

Isolado na negociação das regras para a exploração de petróleo na camada do pré-sal, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva acabou forçado a ceder à pressão dos Estados produtores de óleo — Rio de Janeiro, São Paulo e Espírito Santo. O anúncio oficial do novo modelo regulatório do setor ocorre hoje. Lula queria uma partilha dos royalties igual para todos os Estados. Mas os governadores do Rio, Sérgio Cabral, do Espírito Santo, Paulo Hartung, e de São Paulo, José Serra, fincaram pé num rateio diferenciado para os Estados produtores. Nas áreas já licitadas por regime de concessão, as regras da distribuição dos royalties continua como estão. Os três foram chamados para um jantar com o presidente Lula, ontem, no Palácio da Alvorada, para receber informações sobre os projetos do pré-sal. Eles avisaram que voltariam para seus Estados após o jantar e, portanto, não participariam da cerimônia de hoje. A proposta do governo será lançada na forma de três projetos: um criando a nova estatal de petróleo do pré-sal; outro alterando o modelo de contrato de concessão para um sistema de partilha, com as regras de transição do modelo atual para o novo; e o último sobre a criação de um Fundo Social para gerir e distribuir os recursos.

Receita Videversus – aprenda a fazer tira de maçãs com a chef de cuisine Simone Nejar

Começamos a semana sentindo o aroma inigualável de uma torta de maçãs saindo do forno. Hummm... que tal? Pensando em maçã, lembro-me sempre da história do lendário Guilherme Tell, o famoso atirador suíço obrigado a disparar uma flecha sobre a maçã em cima da cabeça de seu filho. Conta a lenda que, ao passar por um chapéu espetado em um pedaço de pau, que ali estava colocado para representar o poder do governador Gessler, enviado de Viena à Suíça, Tell recusou-se a saudar o chapéu. A ordem do autocrático governador era a de que, em sua ausência, todos deveriam curvar-se diante de seu chapéu, em sinal de respeito. Apaixonado pela liberdade, o famoso arqueiro ignorou e chapéu e já ia seguindo seu caminho, quando foi detido e levado à presença do governador, que já ouvira falar de sua perícia no manejo da besta. Com um sorriso cruel nos lábios, o tirano manda que Tell acerte uma flecha em uma maçã colocada a 200 metros de distância, em cima da cabeça de seu filho. Apesar de seus protestos, foi informado de que, se não disparasse a flecha, de toda forma ele e seu filho morreriam. O menino Walter postou-se, confiante, na frente da árvore, com a maçã sobre sua cabeça. Guilherme Tell separou duas flechas e guardou-as consigo. Atirando a primeira, conseguiu acertar o centro da maçã, preservando a vida do filho. A seguir, virando-se para Gessler, disse-lhe: “se a primeira seta tivesse ferido o meu filho, eu lhe apontaria a segunda. E tenha certeza de que não erraria”. Sabedor disso, Gessler mandou prendê-lo por tamanha insolência, mas ele conseguiu se safar e, tempos depois, matou o tirano, livrando o povo de sua vilania. A história de um herói bem sucedido no tiro contra um pequeno objeto na cabeça de uma criança e posterior assassinato do tirano que o obrigou a fazê-lo, contudo, é um arquétipo presente em vários mitos europeus. Até o final da Idade Média, aceitava-se geralmente uma prova de sofrimento físico como meio de se determinar a culpabilidade ou a inocência: se fosse culpado, o acusado morreria; se sobrevivesse à prova, era inocente. Num caso ou no outro, tratava-se da vontade de Deus, e cabia aos homens aceitar a sua decisão. Na cultura popular, Guilherme Tell subsiste como um verdadeiro herói, uma figura com quem os suíços se identificam e, de acordo com uma pesquisa recente, 60% da população acredita que o corajoso arqueiro tenha mesmo existido. Nos anos 90, eu tive uma confeitaria de doces típicos alemães e austríacos. Além destes doces, havia outros, é claro, mas os doces à base de maçã sempre fizeram o maior sucesso. Um deles era a tira de maçã, que os clientes insistiam em chamar de “strudel”, embora a sua massa não fosse a original do strudel, que é esticada até ficar transparente em cima da mesa. A tira de maçã que fazíamos lá era, na verdade, feita com massa folhada, e nada tinha a ver com a verdadeira receita de apfelstrudel. Cortávamos dois retângulos compridos de massa folhada, e sobre o primeiro espalhávamos creme de baunilha, e por cima colocávamos maçãs e passas, a seguir cobrindo com o outro retângulo de massa e levando ao forno para assar. Parece complicado? Então vamos com calma: precisamos de um pacote de massa folhada pronta descongelada (400g), três maçãs ácidas, meia xícara de passas de uva, creme de confeiteiro, açúcar de confeiteiro para polvilhar (opcional), três colheres de sopa cheias de açúcar comum, uma colher de sopa cheia de canela em pó e um pouco de licor de amêndoas. Para pincelar, uma gema ligeiramente batida com um pouco de água. Para fazer o creme de confeiteiro, vamos liquidificar duas gemas, um quarto de xícara de açúcar, uma colher de sopa de farinha de trigo ou amido de milho e 125 ml de leite. Levamos a mistura ao fogo até engrossar. Desligamos, juntamos uma colher de sopa de essência de baunilha e uma colher de sopa de manteiga, mexendo bem. Deixamos esfriar e empregamos. Vamos descascar as maçãs e cortá-las ao meio, retirando o miolo e fatiando-as em fatias de um cm de largura (vão ficar como semicírculos). Colocamos numa tigela e juntamos as três colheres de açúcar, o licor, as passas e a canela. Deixamos macerar por alguns minutos. Estendemos a massa folhada, dividindo-a em dois retângulos não muito finos. Preaquecemos o forno para que fique bem quente (massa folhada assa em forno quente e em assadeira sem untar). Colocamos um retângulo de massa no centro da assadeira. Deixamos alguns cm de borda livre de massa e dispomos o creme no centro. A seguir, arrumamos as maçãs e as passas no centro sobre o creme. Passamos gema nas bordas livres e dispomos o outro retângulo de massa folhada por cima, apertando sobre as bordas para que colem. Pincelamos com a gema por cima e fazemos alguns cortes transversais em cima, levando ao forno por meia hora, até que a massa fique dourada e cozida. Se você gostar, pode polvilhar um pouco de sementes de papoula por cima. Dá um belo efeito. Servimos a tira ainda morna, acompanhada de nata batida com pouco açúcar e um belo chá de maçãs.

Caso Sarney no Supremo fica com o ministro Eros Grau

O mandado de segurança apresentado por sete senadores no Supremo Tribunal Federal contra o arquivamento dos processos que envolvem o presidente do Senado Federal, senador José Sarney (PMDB-AP), foi encaminhado na sexta-feira ao ministro Eros Grau. A medida foi tomada com base no Regimento Interno do Supremo, uma vez que o ministro Joaquim Barbosa, relator do caso, está de licença médica desde 10 de agosto. O regimento prevê que, em caso de ausência ou impedimento eventual, o relator deve ser substituído pelo imediato em antiguidade. A medida deve ser aplicada quando se tratar de deliberação sobre medida urgente. No caso de Sarney, os senadores pediram uma liminar para que o Supremo autorize o plenário do Senado a julgar o recurso contra o arquivamento dos processos pelo Conselho de Ética da Casa --que foi arquivado pela segunda vice-presidente do Senado, Serys Slhessarenko (PT-MT). Essa é a segunda mudança na relatoria do caso de Sarney no Supremo. Na quinta-feira o ministro Celso de Mello se declarou impedido de relatar o mandado de segurança ao alegar razões de "foro íntimo". Com a recusa, o processo foi devolvido ao presidente da Corte, Gilmar Mendes, que encaminhou o mandado de segurança a Joaquim Barbosa. A previsão é que Barbosa retome suas atividades no Supremo na próxima semana. O mandado de segurança é assinado por parte do grupo de 12 senadores que apresentaram o recurso à Mesa Diretora do Senado contra o arquivamento.

Ex-militares fazem mapa com possíveis locais de ossadas

Inconformados por não terem sido procurados pela comissão governamental que busca ossadas no Araguaia, militares que atuaram na repressão à guerrilha preparam um mapeamento com a indicação de pelo menos 20 locais de sepultamentos clandestinos. Fora do Exército desde o fim da guerrilha, no início dos anos 70, eles dizem lembrar de áreas onde estariam enterrados alguns dos cerca de 60 guerrilheiros do então clandestino PCdoB oficialmente desaparecidos. Fundador da Associação dos Ex-Combatentes da Guerrilha do Araguaia, que reúne cerca de 600 membros, Raimundo Pereira de Melo, de 56 anos, foi soldado no Araguaia. Ele diz que a maioria dos locais vasculhados no último mês pelos membros da comissão está correta, mas que os pontos de abertura de valas são equivocados. A associação ouviu ex-militares radicados no Norte, Nordeste, Centro-Oeste e Sudeste. As informações são as de que há guerrilheiros enterrados em Xambioá e nos municípios paraenses de Marabá, São Domingos do Araguaia, São Geraldo do Araguaia e Brejo Grande. Pereira de Melo diz que pode apontar, em Xambioá, onde foram enterrados Osvaldo da Costa, o Osvaldão, e Valquíria Afonso. Seria na antiga base, hoje desativada. O Ministério da Defesa informou que a comissão tem interesse em ouvir todos aqueles com informação sobre as ossadas e que está à disposição dos ex-militares.

Presidente colombiano contrai vírus da gripe A

O presidente colombiano, Álvaro Uribe, contraiu o vírus da gripe A (H1N1). A informação foi confirmada pelo secretário de Informação e Imprensa da Presidência da República, César Mauricio Velásquez, e por fontes do Instituto Nacional de Saúde (INS). Uribe apresentou os primeiros sintomas na sexta-feira quando retornava da reunião da Cúpula Extraordinária da União de Nações Sul-americanas (Unasul), que aconteceu em Bariloche, na Argentina. As fontes do governo acreditam, no entanto, que ele deve ter contraído a doença alguns dias antes. Os sintomas pioraram no sábado quando o presidente colombiano presidiu um conselho comunitário de governo na localidade de Puerto Carreño, no leste do país e precisou receber atendimento médico. A evolução da doença requer tratamento em nível domiciliar e são aplicados "protocolos de manejo clínico", segundo a informação oficial.

PV aproveita filiação da senadora Marina Silva e cola usa imagem à de Chico Mendes

Egressa do PT após 30 anos de militância, a senadora Marina Silva (AC) aproveitou a filiação ao PV, neste domingo, para relembrar o início de sua trajetória política ao lado de Chico Mendes, seringueiro e sindicalista acreano assassinado há quase 21 anos. Marina Silva disse que Chico Mendes foi seu "professor" na militância em causas políticas e de preservação ambiental da Amazônia. "No Acre, o PV foi criado pela vontade do Chico Mendes", afirmou Marina Silva. Tal como a nova filiada, a Executiva Nacional do PV tratou de vincular o ato político à memória do seringueiro e ativista ambiental. Diversas faixas e cartazes com a imagem de Chico Mendes foram espalhadas pelos salões da casa de eventos onde Marina Silva foi recebida pela militância do partido. A filha de Chico Mendes, Elenira, foi uma das personalidades que abonaram a entrada de Marina no PV. Em retribuição ao gesto, a senadora elogiou a atuação do seringueiro na preservação da Amazônia e na consolidação da própria entrada dela na vida pública. "Elenira, o seu pai foi o meu professor. Espero que eu possa fazer por você o mesmo que ele fez por mim", disse Marina Silva. Nos anos 1980, Marina trabalhou ao lado de Chico Mendes no sindicato dos trabalhadores rurais de Xapuri, que entrou em conflito com produtores da região devido à devastação da floresta amazônica. Chico Mendes foi morto na porta de sua casa, em 22 de dezembro de 1988. Nascido em Xapuri (AC), em 1944, fundou o PT no Acre e, meses antes de sua morte, auxiliou o PV a se formar na região Norte com a participação de militantes petistas. Embora a senadora Marina Silva ainda não se declare pré-candidata à sucessão presidencial em 2010, as principais lideranças do Partido Verde a apontam como a melhor opção da legenda para as próximas eleições. Mesmo integrando o governo Lula, os líderes do partido não têm desconforto para apoiar Marina Silva em oposição à pré-candidata petista Dilma Roussef (Casa Civil). “Sou a favor da candidatura própria do PV. E no partido, Marina é, disparado, o melhor nome", afirmou o ministro Juca Ferreira (Cultura) momentos antes de a senadora e ex-ministra do Meio Ambiente de Lula se filiar ao PV na tarde deste domingo. Ao comentar a possibilidade de enfrentamento entre Marina e Dilma nas urnas, Ferreira contemporizou. "Não é enfrentar a Dilma, mas propor uma contribuição importante para o Brasil", afirmou Ferreira, que vinculou a imagem de Marina à elaboração de novas propostas de desenvolvimento sustentável defendida pelo PV. Cotado para a disputa de uma vaga no Senado ou mesmo ao governo do Rio de Janeiro em 2010, o deputado federal Fernando Gabeira (PV-RJ) também aposta em Marina Silva para a sucessão de Lula.