sexta-feira, 16 de abril de 2010

Justiça de Mato Grosso decreta prisão preventiva do petista "aloprado" Valdebran Padilha

A Justiça Federal de Mato Grosso decretou nesta sexta-feira a prisão preventiva do petista "aloprado" Valdebran Padilha, de seu irmão, o empreiteiro petista Waldemir Padilha, e de outras dez pessoas acusadas de envolvimento com o esquema de fraudes que teria desviado ao menos R$ 51 milhões dos cofres da Funasa (Fundação Nacional de Saúde) e dos ministérios da Saúde e das Cidades. Onze deles, incluindo os irmãos Padilha, já estavam em prisão temporária desde a semana passada, quando a Polícia Federal deflagrou a Operação Hygeia. A decisão desta sexta-feira incluiu a presidente da ONG Idheias, Maria Guimarães Bueno, presa também nesta sexta-feira em Belo Horizonte (MG) e indiciada por envolvimento com as fraudes. Também continuarão presos o tesoureiro do PMDB de Mato Grosso, Carlos Miranda, e José Luis Bezerra, sobrinho do deputado federal Carlos Bezerra, presidente estadual do partido. No mesmo despacho, o juiz libertou outros 23 suspeitos, sendo 12 servidores públicos. Segundo a decisão, a prisão preventiva mirou os "mentores da organização criminosa" e teve o objetivo de impedir que continuassem "a fazer uso do poder político para influir em decisões de órgãos da Administração Pública e levar a cabo ilegalidades em contratos e termos de parceria firmados". Desde 2006, segundo estimativa da Polícia Federal, o volume desviado pela quadrilha pode ser superior a R$ 200 milhões. O petista aloprado Valdebran Padilha foi um dos envolvidos na compra de um dossiê fajuto, nas eleições de 2006, para comprometer os candidados do PSDB, José Serra e Geraldo Alckmin, respectivamente, ao governo de São Paulo e Presidência da República.

Para evitar retaliação, Estados Unidos abrem caminho para importar carnes de Santa Catarina

Os Estados Unidos cumpriram nesta sexta-feira mais uma parte de sua contraproposta ao Brasil, dentro das negociações para impedir retaliação a produtos norte-americanos, e abriram caminho para a importação de carnes de Santa Catarina. O Departamento de Agricultura dos Estados Unidos publicou no Diário Oficial uma consulta pública sobre proposta de regulamentação para importação de carne bovina e suína do Estado brasileiro. Desde que o Brasil decidiu adiar o início da retaliação, na semana passada, negociadores de ambas as partes vêm buscando chegar a um entendimento para evitar as medidas contra os produtos norte-americanos, aprovadas pela Organização Mundial do Comércio dentro do contencioso do algodão. Na próxima segunda-feira, o representante de Comércio dos Estados Unidos, Ron Kirk, vai se reunir com o embaixador brasileiro em Washington, Mauro Vieira. Segundo fontes do Itamaraty, o contencioso do algodão será um dos temas do encontro. A abertura da consulta pública era um dos pontos da contraproposta apresentada pelo governo norte-americano na semana passada, que convenceu o governo brasileiro a adiar o início da retaliação, previsto inicialmente para 7 de abril, em duas semanas. O governo americano também ofereceu a criação um fundo de compensação no valor anual de US$ 147,3 milhões (cerca de R$ 260 milhões) para financiar projetos ligados à produção brasileira de algodão. Outro ponto da proposta era o congelamento da liberação de garantias de créditos a exportação agrícola previstas para este ano, medida que já foi anunciada pelo governo americano na semana passada. A consulta pública anunciada nesta sexta-feira ficará aberta por 60 dias e vai receber comentários sobre o reconhecimento de Santa Catarina como zona livre de febre aftosa sem vacinação. O reconhecimento desse status permitiria abriria o mercado norte-americano à exportação de carnes de Santa Catarina, que é grande produtor de carne suína.

Tribunal condena bispo britânico a pagar R$ 23.500,00 por negar Holocausto

Um tribunal alemão condenou nesta sexta-feira o bispo católico britânico Richard Williamson a pagar uma multa de 10.000 euros (cerca de R$ 23.570,00) por negar o Holocausto. O tribunal de Ratisbona (sul da Alemanha) condenou o bispo à revelia por incitação ao ódio racial por causa das declarações que fez a um canal de TV sueco em janeiro de 2009. O bispo Williamson foi excomungado junto a outros três bispos da organização católica integrista Fraternidade de São Pio 10, nos anos 80, por terem sido ordenados sem a permissão do papa João Paulo 2º. Em janeiro de 2009, o papa suspendeu as excomunhões para acabar com o cisma dos tradicionalistas, que não aceitam as reformas eclesiásticas do Concílio Vaticano 2º, dando origem a uma polêmica. Depois de anunciado o perdão papal, foi ao ar uma entrevista em que Williamson negou a extensão do Holocausto. Williamson disse acreditar que não existiram câmaras de gás e que não mais do que 300 mil judeus pereceram em campos de concentração nazistas, em vez do total de 6 milhões afirmado pelos historiadores. Em meio a uma forte reação internacional, o papa exigiu que Williamson se retratasse, dizendo que negar o Holocausto é "totalmente inaceitável". Em março de 2009, após ser expulso da Argentina, Williamson pediu perdão pelas declarações sobre o Holocausto, mas não rejeitou o que dissera.

Justiça cassa liminar que suspendia leilão de Belo Monte

O Tribunal Regional Federal da 1ª Região cassou a liminar que suspendia o leilão de concessão da hidrelétrica de Belo Monte, no Rio Xingu (PA). A decisão foi tomada pelo presidente do tribunal, juiz Jirair Meguerian. A princípio, o prazo para a inscrição dos consórcios e depósito das garantias financeiras no valor de R$ 190 milhões (1% do investimento total do projeto, orçado em R$ 19 bilhões) iria até às 18 horas desta sexta-feira junto à Aneel (Agência Nacional de Energia Elétrica). A agência, no entanto, decidiu pela manhã adiar o leilão, justificando que obedecia a ordem da Justiça. Ainda não há posicionamento de como ficará o caso após a cassação da liminar que impedia o leilão. A liminar havia sido concedida pelo juiz federal Antonio Carlos Almeida Campelo, da Subseção de Altamira (PA), na noite de quarta-feira. Existem, porém, outros pedidos de liminar requerendo a suspensão da licença ambiental prévia e a licitação do projeto para serem analisados pelo juiz.

Tesouro Nacional capta US$ 787,5 milhões no mercado internacional

O Tesouro Nacional informou nesta sexta-feira que o total captado no mercado internacional chegou a US$ 787,5 milhões, sendo US$ 750 milhões nos mercados europeu e norte-americano, em uma operação realizada na quinta-feira, e o restante entre investidores no mercado asiático. A liquidação financeira está prevista para o próximo dia 22. O governo brasileiro ofereceu títulos da dívida soberana, denominados Global 2021, a vencer em 11 anos e pagando juros de 4,87% ao ano. A emissão foi liderada pelos bancos JP Morgan e Citibank, em cooperação com o BB Securities e o Santander. Em outubro do ano passado, o Tesouro levantou US$ 1,25 bilhão nos mercados europeus e norte-americano, por meio de títulos com prazo de 30 anos, que pagavam taxa de 5,8% ao ano, a menor já paga por papéis brasileiros desse prazo.

BNDES vai financiar até 80% do projeto de Belo Monte

O BNDES anunciou nesta sexta-feira que financiará até 80% do investimento total para a construção da usina de Belo Monte, no rio Xingu, em Altamira. A Aneel (Agência Nacional de Energia Elétrica) reabriu os prazos para depósito de garantia dos interessados em participar do leilão de hidrelétrica de Belo Monte, no rio Xingu (PA). As empresas interessadas precisam depositar em garantia R$ 190 milhões, o equivalente a 1% do investimento total do projeto, orçado em R$ 19 bilhões. A divulgação das condições de financiamento é essencial para que os consórcios definam as propostas de venda de energia no leilão. O prazo total de financiamento será de 30 anos. As condições de financiamento para Belo Monte são mais favoráveis para o empreendedor do que as aplicadas nas usinas do rio Madeira. O BNDES destaca que a usina é o terceiro maior projeto do setor elétrico no mundo. "A energia assegurada da usina será capaz de abastecer uma região de 26 milhões de habitantes, com perfil de consumo elevado. Mais do que o consumo residencial da região metropolitana de São Paulo", afirma em nota.

Suspeito do roubo do letreiro de Auschwitz pega três meses de prisão

O tribunal de Cracóvia, no sul da Polônia, aplicou três meses de prisão com sursis para o ex-líder neonazista sueco Anders Hogstrom, organizador do roubo de letreiro "Arbeit macht frei" (O trabalho nos torna livres) do antigo campo de concentração nazista de Auschwitz. O sueco havia sido extraditado para a Polônia na semana passada. Interrogado pela promotoria de Cracóvia, rejeitou as acusações feitas contra ele. Hogstrom, de 34 anos, fundou e dirigiu, entre 1994 e 1999, a Frente Nacional Socialista, um partido neonazista sueco já extinto, antes de distanciar-se da ultradireita, a ponto de ser considerado um arrependido modelo. O letreiro metálico foi encontrado três dias depois do roubo, partido em três pedaços, em uma casa de campo em uma localidade do centro do país, a 600 quilômetros do campo de concentração. O roubo do letreiro do campo de Auschwitz causou embaraço à sociedade polonesa, que em peso ajudou a polícia a localizar os ladrões e a recuperar a placa. Os cinco ladrões foram detidos ao mesmo tempo e três deles já foram condenados a penas que vão de um ano e meio a dois de prisão.

Empresa de Eike Batista negocia instalação de outra siderúrgica no porto do Açu

A LLX, braço de logística da EBX, do empresário Eike Batista, negocia a construção de uma segunda usina siderúrgica no complexo do porto do Açu, em São João da Barra, no Norte Fluminense. O presidente da companhia, Otávio Lazcano, disse nesta sexta-feira que já foram abertas, com um grupo estrangeiro, conversas para a instalação de uma unidade com capacidade instalada de 8 milhões de toneladas por ano. A LLX não teria participação na usina, que seria integralmente do investidor estrangeiro. Somada à outra siderúrgica que deverá ser construída em parceria com a chinesa Wisco, a produção de aço no porto do Açu somará 13 milhões de toneladas anuais. Na última quinta-feira, o presidente da China, Hu Jintao, e Eike Batista, firmaram protocolo de intenções para a instalação da usina. Os chineses entrarão com 70% do investimento previsto de US$ 5 bilhões, com Eike Batista ficando responsável pelo restante. Ao todo, o porto do Açu tem investimentos totais estimados em pouco mais de US$ 40 bilhões, com início das operações previsto para 2012. A LLX firmou memorando de entendimentos com as petrolíferas Shell e Devon para a construção de uma unidade de tratamento para até 1,2 milhão de barris diários de petróleo, que serviria basicamente para "limpar" o petróleo extraído da bacia de Campos, separando o óleo da água. Lazcano explicou que, com o tratamento feito no porto, as empresas reduziriam os custos de frete do petróleo que seria embarcado por ali. A OGX, empresa de petróleo do grupo EBX, também utilizaria a estrutura. O pedido de licença ambiental já foi feita junto ao Inea (Instituto Estadual do Ambiente).

Campanha de Dilma Rousseff cria conselho político com partidos aliados

O comando da campanha presidencial do PT inaugura na segunda-feira um conselho político para discutir a estratégia de campanha de Dilma Rousseff para as eleições de outubro. O grupo será formado pelos presidentes dos partidos que já formalizaram apoio a Dilma Rousseff: PMDB, PC do B, PR, PDT e PRB. A idéia dos petistas, no entanto, é ampliar esse conselho até julho, quando as convenções partidárias terão terminado. "Esse conselho é para analisar e discutir os grandes temas da campanha do PT", disse o presidente do PT, José Eduardo Dutra. Na prática, o conselho não deve ter muitas atribuições, mas é um sinal do PT aos aliados, mostrando que estão dispostos a garantir espaço.

PSDB aguarda sete horas para ter dados da pesquisa Sensus

Mesmo com uma autorização expedida pelo Tribunal Superior Eleitoral, dois representantes do PSDB tiveram que esperar por sete horas para ter acesso aos questionários da última pesquisa presidencial realizada pelo Instituto Sensus. Mesmo assim, o partido reclama que o instituto não autorizou a cópia dos questionários ou a gravação dos dados em um pen-drive. Antes de liberar a consulta na sede do instituto, em Belo Horizonte, a direção do Sensus convidou PT, PV e PSB para acompanhar a abertura dos dados aos tucanos. Apenas o PT foi ao local. A pesquisa apontou empate técnico entre José Serra (32,7%) e Dilma Rousseff (32,4%). O PSDB entrou com representação na quarta-feira contra a pesquisa. Na quarta-feira teve autorização para checar os 2.000 questionários. O cientista político Fabrizio Tavoni, contratado pelo PSDB, disse que não havia indícios de fraude. Ricardo Guedes, diretor do instituto, disse que chamou os partidos para dar transparência ao ato.

Site que mostra tráfego de aviões no mundo vira sucesso com o caos aéreo

Com o caos aéreo causado após a erupção de um vulcão na Islândia, o site Flightradar24.com virou uma sensação entre internautas tentando acompanhar, ao vivo, o tráfego aéreo de diferentes partes do mundo. O site recebe dados de aeronaves por meio de cerca de cem pontos ao redor do mundo, e mostra as informações em um mapa em tempo real. Na seção "Planes" (vôos) é possível acompanhar todas as aeronaves que podem ser vistas no mapa, voando no momento. A fumaça do vulcão causou nesta sexta-feira o cancelamento de 17 mil vôos em toda a Europa, afetando cerca de 1,36 milhão de passageiros, segundo a Agência Européia para a Segurança na Navegação Aérea (Eurocontrol). O Flightradar24.com usa uma tecnologia chamada ADS-B para receber informações das aeronaves. As informações disponíveis são de aviões que usam transponder ADS-B e que estão dentro da área de cobertura dos receptores. Segundo o site, atualmente cerca de 60% dos aviões de passageiros e apenas uma pequena parcela dos aviões militares e particulares estão equipados com essa tecnologia. Em sua página, o site afirma ter sido lançado na Suécia em 2007 usando uma base própria de receptores no norte e centro da Europa, mas em 2009 abriu a rede atual e começou a receber dados de qualquer aeronave com receptor ADS-B. "Isso tornou possível expandir para o restante da Europa, Groelândia, Austrália, Canadá e Brasil", informa.

Bernie Ecclestone confirma F-1 com 20 provas em 2011

Bernie Ecclestone, dono dos direitos comerciais da F-1, confirmou que a próxima temporada da categoria terá 20 provas, uma a mais que a atual, com a inclusão do GP da Índia e a manutenção de todas as etapas de 2010. As provas da China e da Turquia estavam ameaçadas para a próxima temporada por causa da falta de interesse dos torcedores locais, o que faz com que as arquibancadas fiquem praticamente vazias nos finais de semana destas etapas. Ecclestone afirmou que as conversas com os organizadores do circuito chinês estão em andamento para renovar o contrato que termina este ano e espera um acerto rápido, embora tenha lamentado "a falta de promoção da corrida. Ecclestone também assegurou a realização do GP da Coréia do Sul, marcado para 24 de outubro.

STJ suspende processos que tratam assinatura básica de telefonia fixa

O Superior Tribunal de Justiça suspendeu nesta sexta-feira, cautelarmente, todos os processos que tratam da cobrança da tarifa mensal de assinatura básica de telefonia fixa por concessionária de serviço telefônico que ainda não foram julgados nas instâncias de primeira origem. A medida é baseada na ação da concessionária de telefonia GVT que recorre do direito de não indenizar os valores cobrados pelos consumidores, como determinou a 3ª Turma Recursal Mista de Campo Grande, que considera a cobrança ilegal. A GVT recorreu ao Superior Tribunal de Justiça que reconheceu a legitimidade da cobrança de tarifa mensal básica por concessionárias de serviço telefônico. O ministro Herman Benjamin deferiu a suspensão dos trâmites do processo e estendeu os efeitos a todos os processos idênticos que ainda não foram julgados no órgão de origem e nos demais estados, além do Distrito Federal.

Empresa lança guarda-costas virtual que monitora crianças na internet

A E-Net Security anunciu o lançamento do Guarda-Costas Virtual, serviço que protege crianças das ações de criminosos que agem pela internet e ajuda os pais a monitorarem seus filhos. Com foco na proteção de famílias, o Guarda-Costas Virtual faz um cadastramento dos endereços on-line, caso a criança receba ou acesse qualquer conteúdo inadequado, que será rastreado por meio de palavras-chaves, e os pais recebem imediatamente um e-mail alertando sobre o conteúdo. Para as conversas em tempo real, por MSN, por exemplo, vale o monitoramento via palavras-chaves. De acordo com a empresa, o serviço inclui relatório semanal mostrando todos os passos da criança na internet, tais como sites visitados, íntegra das conversas com amigos e recados trocados em mídias sociais. A investigação acontece no log-in que os pais determinarem, ou seja, em uma mesma máquina compartilhada pelas pessoas da família, apenas os log-ins desejados serão monitorados. Segundo Wanderson Castilho, os pais precisam ter no mundo virtual a mesma preocupação que têm no mundo real, pois hoje muitos pedófilos atuam por meio da internet. "Precisamos monitorar os nossos filhos, saber com quem eles conversam e quais sites visitam para que não se tornem vítimas de crimes bárbaros", afirma Wanderson. O Guarda-Costas Virtual pode ser contratado por R$ 50,00 ao mês no site da companhia, cujo endereço é www.e-netsecurity.com.br.

País bate recorde em habilitação de celulares no mês de março

O mês de março registrou 2.338.763 novas habilitações de telefones móveis, segundo dados da Anatel (Agência Nacional de Telecomunicações). No primeiro trimestre foram 5.150.433 novas linhas, recorde no período desde o começo da série histórica, em 2000. No total, o País conta com 179.109.801 celulares. De acordo com a agência reguladora do setor, o crescimento de março em relação a fevereiro foi de 1,32%. Em cada grupo de 100 habitantes no País, 93,01 tem celular. Do total de acessos, 147.730.397 (82,48%) são pré-pagos. Os demais 31.379.404 (17,52%), pós-pagos. A Vivo é líder de mercado, com 30,12%, seguida da Claro (25,45%), TIM (23,65%) e Oi (20,41%). CTBC, Sercomtel e Unicel têm o restante dos clientes. A tecnologia mais usada é a GSM, com 88,37% dos telefones. Isso só foi possível de alcançar graças às privatizações do setor de telefonia iniciadas no governo de Fernando Henrique Cardoso. Se não fosse isso, os brasileiros estariam até hoje esperando por uma linha fixa que custava no mínimo 4 mil dólares e era disputada a tapa no mercado negro.

Marina Silva defende reforma agrária e diz que os dois lados extrapolam em conflitos

A pré-candidata do PV à Presidência da República, Marina Silva, defendeu a reforma agrária e disse que há "extrapolações" cometidas também por parte de ruralistas no "conflito" no campo. A senadora esteve nesta sexta-feira em Araçatuba (SP), cidade em que predomina o cultivo de cana-de-açúcar e a criação de gado em grandes propriedades. "As extrapolações não acontecem só do lado dos sem-terra. Eu, durante minha vida toda fui vítima dessas extrapolações de ruralistas. Há uma tendência de satanização dos movimentos dos trabalhadores sem-terra, como se fossem só eles que atuassem eventualmente em desacordo com o movimento democrático. É preciso falar com todos os lados quando se cobra o Estado de Direito", disse ela. Marina também chamou de "contradição" e "retrocesso" a proposta de flexibilização do código florestal brasileiro que tramita no Congresso e que é defendida por produtores rurais: "É contrário à natureza do próprio código, porque a mudança não quer proteger a vegetação, quer expandir as atividades produtivas em áreas onde há floresta". A senadora Marina Silva é uma ex-petista que segue com cabeça de PT. O primeiro raciocínio petista é o de chamar de "movimento social" uma organização que é terrorista, ilegal, clandestina, e que pratica crimes todos os crimes, que são as invasões de terras. Agora a senadora Marina Silva também adere à nova tentativa petista de mascarar as ilegalidades cometidas pelos terroristas do MST, chamando de "conflito" no campo o que é apenas criminosa invasão de terra. Marina Silva pensa que irá enganar muita gente, durante muito tempo, com seu tipo de "Madre Teresa" da floresta. Essa não cola....

Ministro colombiano afirma que prisão de traficante no Rio de Janeiro foi trabalho de cooperação

O ministro colombiano de Defesa, Gabriel Silva, divulgou nota nesta sexta-feira em que afirma que a prisão do traficante Nestor Caro Chapparro, no Rio de Janeiro, foi possível graças à cooperação entre diversas instituições, como Agência Antidrogas dos Estados Unidos, a Polícia Federal brasileira, o Serviço de Imigração e Alfândega dos Estados Unidos e a polícia colombiana. Chapparro, considerado um dos quatro maiores traficantes de drogas da Colômbia, foi preso pela Polícia Federal em um prédio de Copacabana, em cumprimento a um mandado de prisão expedido pelo Supremo Tribunal Federal. Ele era procurado pelos Estados Unidos, que ofereciam recompensa de R$ 5 milhões. Após a prisão, o traficante foi encaminhado para a Superintendência da Polícia Federal no Rio de Janeiro, onde permanece à disposição da Justiça. Ele deve ser extraditado para os Estados Unidos.

Ministério Público Federal vai recorrer para impedir leilão de Belo Monte

O Ministério Público Federal anunciou nesta sexta-feira que irá recorrer da decisão do presidente do Tribunal Regional Federal da 1ª Região, Jirair Aram Meguerian, que cassou a liminar impedindo o leilão de concessão da hidrelétrica de Belo Monte, no Rio Xingu (PA). O procurador Renato Brill de Góes, da Procuradoria Regional da República da 1ª Região, avisou que vai entrar imediatamente com um recurso pedindo que o caso seja analisado pela Corte Especial do Tribunal Regional Federal 1. "Foge à rotina do TRF-1 decidir sobre um assunto tão complexo como este em cerca de três horas", afirmou.

Senado aprova que pai use FGTS para filho comprar imóvel

O FGTS poderá ser usado pelo pai, para comprar imóvel para o filho que ainda não tenha moradia, desde que este tenha mais de 21 anos e seja casado ou viva em união estável. A possibilidade de uso do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço nesses casos foi aprovada em caráter terminativo na quarta-feira pela Comissão de Assuntos Sociais do Senado. O projeto de lei aprovado, de autoria do senador Jarbas Vasconcelos (PMDB-PE), vai agora para a Câmara. Segundo o projeto, o FGTS poderá ser sacado mesmo que o pai já tenha usado sua conta para a compra de imóvel próprio ou para outro filho. Assim, o projeto prevê a possibilidade de um mesmo trabalhador comprar imóvel para si e para os filhos. Vasconcelos argumenta que o fundo é patrimônio do trabalhador e seu uso deve ser, acima de tudo, em prol do interesse desse mesmo trabalhador, a despeito da possibilidade de tais recursos serem usados para financiar investimentos em saneamento básico e em infraestrutura.

AGU definirá argumento para manter Battisti no Brasil

Antes de decidir qual será o destino do terrorista italiano Cesare Battisti, o presidente Lula decidiu aguardar uma análise da Advocacia Geral da União sobre a decisão do Supremo Tribunal Federal. O acórdão foi publicado na quinta-feira no Diário de Justiça Eletrônico do órgão. No final do ano passado, o tribunal decidiu extraditar o terrorista Battisti, mas deixou a palavra final com o presidente. Os ministros disseram, porém, que Lula precisa respeitar o que diz o tratado de extradição entre Brasil e Itália. Ele havia prometido anunciar sua decisão de manter ou não o terrorista Battisti no Brasil após essa publicação. O presidente decidiu, porém, esperar a opinião do advogado-geral da União, Luís Inácio Adams, já que o documento possui todos os votos dos magistrados e o embasamento jurídico para a extradição é técnico. Battisti foi condenado pela Justiça Italiana pelo assassinato de quatro pessoas durante a década de 70. Ele era um marginal comum, preso, quando foi recrutado pela ultra-esquerda terrorista para funcionar como executor de vítimas da organização. E desempenhou esse papel com total frieza.

Campanha de José Serra trabalha para reverter vantagem de Dilma no Nordeste

O comando da campanha de José Serra (PSDB) à Presidência da República trabalha para tentar reverter a vantagem de Dilma Rousseff (PT) na região Nordeste do País. O Nordeste vem sendo tratado por aliados de Serra como fiel da balança, capaz de decidir em favor do tucano se o percentual de votos da oposição crescer nos nove Estados nordestinos. A meta do PSDB é conquistar entre 35% e 40% dos votos em favor de Serra no Nordeste, mesmo com a vitória de Dilma na região. O partido quer reverter o cenário de 2006, em que o então candidato Geraldo Alckmin (PSDB) conquistou apenas 22,87% dos votos no Nordeste no segundo turno na disputa direta com Lula, que ficou com 77,13% dos votos. Os tucanos estão confiantes de que Serra terá vantagem sobre Dilma no Sul e Sudeste, por isso focam no Nordeste como região capaz de beneficiar o tucano. Articuladores da campanha de Serra elaboram estratégias capazes de garantir votos ao presidenciável no Nordeste. Além de intensificar as viagens à região, a ideia é tentar desvincular Dilma de Lula ---com críticas diretas à petista, mas afagos no presidente. Os aliados de Serra reconhecem que o candidato não pode criticar Lula publicamente diante da popularidade do petista, situada acima dos 80% no país. A ideia dos tucanos é mostrar que a petista tem características diferentes de Lula, por isso a sua vitória não significaria a repetição do presidente no poder. Esta semana, Serra deu a largada na sua pré-campanha com visitas a Salvador (BA) e Maceió (AL), já na ofensiva de focar o Nordeste. O tucano também concedeu entrevistas a várias rádios do Nordeste, especialmente do interior, na tentativa de difundir sua imagem junto à população local.

PSB marca para dia 27 debate sobre candidatura de Ciro Gomes

Depois que o deputado federal Ciro Gomes (PSB-CE) pressionou publicamente seu partido em um ultimato divulgado em artigo, o PSB marcou para 27 de abril reunião da executiva em Brasília para debater a candidatura à Presidência da República. O debate sobre a candidatura é assunto único da reunião, em que devem comparecer os 18 integrantes da executiva. "Vamos trabalhar para que a reunião seja o mais conclusiva possível", disse o vice-presidente do partido, Roberto Amaral, nesta sexta-feira. Ciro Gomes atirou fogo grosso no artigo intitulado "A História Acabou?". Em uma das principais farpas questionou duramente a atuação do partido. "O que é o PSB? Um ajuntamento como tantos outros, ou a expressão de um pensar audacioso e idealista sobre o Brasil? Vai se decidir isto agora", afirmou ele. O deputado adiantou que vai cumprir a determinação do PSB, apesar de até agora não "entender o que quer de mim o meu partido". A repercussão das declarações foi negativa no partido. "Bateu mal", disse um integrante, para quem as acusações não fortaleceram a posição daqueles que defendem a candidatura própria. Uma das análises que pesam na decisão da candidatura do neocoronel cearense Ciro Gomes é seu poder de influenciar a eleição de Dilma Rousseff. Como legenda aliada do governo do presidente Lula, a incerteza é se Ciro Gomes competiria com Dilma Rousseff ou retiraria votos de José Serra.

Governo coloca Eletronorte como sócia estratégica de Belo Monte

O governo Lula resolveu voltar atrás e decidiu colocar a Eletronorte (subsidiária da Eletrobrás) como sócia estratégica do consórcio que vencer o leilão da usina hidrelétrica de Belo Monte (PA), previsto para a próxima terça-feira. Para isso, precisou retirar a Eletronorte do consórcio composto por Queiroz Galvão, CSN, OAS, Mendes Júnior, Contern (subsidiária da Bertin), Alupar e o fundo de pensão Petros para a disputa de Belo Monte. Apenas a Chesf, outra controlada da Eletrobrás, integrará o grupo. O outro consórcio formado para a disputa, composto por Andrade Gutierrez, Vale, Neoenergia e Votorantim, continua com duas subsidiárias da estatal, conforme combinado mais cedo: Furnas e Eletrosul. A Eletrosul é considerada a "nanica" do grupo, pois parte de seus ativos foi privatizada no passado e hoje faz parte da Suez, que também cogita ser investidora em Belo Monte, associando-se posteriormente ao consórcio vencedor como sócio estratégico.

Companhias européias e aeroportos estimam as perdas com o caos aéreo

As companhias aéreas e as operadoras de aeroportos européias informaram que estão perdendo milhões de euros por dia, enquanto se acredita que a proibição ao tráfego aéreo em razão da erupção vulcânica na Islândia deva prosseguir no fim de semana. A Associação Internacional de Transporte Aéreo (Iata) disse nesta sexta-feira que, no nível atual de interrupção, as companhias aéreas deveriam perder receitas de US$ 200 milhões (cerca de R$ 353 milhões) por dia. Elas também enfrentam custos adicionais de reprogramação das rotas das aeronaves e de assistência aos passageiros em dificuldades, informou a associação. A companhia aérea holandesa KLM, parte da franco-holandesa Air France-KLM, espera prejuízos entre 5 e 10 milhões de euros por dia em razão da paralisação, disse o diretor executivo da KLM, Peter Hartman. A precipitação atingiu as ações das companhias aéreas na sexta-feira, com Lufthansa, British Airways, Air Berlin, Air France-KLM, Iberia e Ryanair em queda de entre 1,3% e 2,2%. Os aeroportos também estão sendo atingidos. Um porta-voz da empresa alemã Fraport, que administra aeroportos, disse que apenas o fechamento do aeroporto de Frankfurt custaria à companhia entre 2,5 milhões e 3 milhões de euros por dia com base nas estimativas iniciais. Na França, a operadora aeroportuária controlada pela estatal Aeroports de Paris (ADP) enfrenta perdas de 5 milhões de euros por dia ou mais, afirmaram analistas. "Se a nuvem vulcânica continuar a atrapalhar as operações do aeroporto de Paris por mais de 48 horas, então será impossível compensar pelo tráfego perdido", disse um analista baseado em Paris, que pediu para não ser identificado.

Após agressão, novos agentes são enviados para penitenciária de Caxias do Sul

A Susepe (Superintendência dos Serviços Penitenciários) enviou nesta sexta-feira um contingente de 40 novos agentes penitenciários para trabalharem na Penitenciária Regional de Caxias do Sul, onde agentes flagrados agredindo presos foram afastados do trabalho na quinta-feira. Além deles, quatro agentes administrativos foram destacados para o presídio. Os funcionário tomaram posse na segunda-feira e deveriam passar por um curso na Academia da Brigada Militar. Porém, por determinação do superintendente Mario Santa Maria Junior, foram enviados imediatamente para o presídio. Imagens do circuito interno da penitenciária de Caxias do Sul, mostrando as agressões, foram obtidas pelo jornal "Pioneiro". Segundo o jornal, as imagens foram registradas entre os dias 8 e 9 de abril. Em nota, a Secretaria da Segurança Pública informou que "todas as providências investigativas e punitivas foram adotadas, com a instauração de sindicância" na prisão. Além disso, será implantada uma "auditoria de gestão no sistema prisional gaúcho". A secretaria também informou que aumentará a equipe de tratamento penal, composta por assistentes sociais, psicólogas e advogados. O governo de Yeda Crusius (PSDB) reagiu imediatamente, afastando do cargo todos os agentes penitenciários envolvidos nas agressões aos presos.