segunda-feira, 25 de julho de 2011

Petrobras vende 4% a mais em leilão de gás natural

A Petrobras informou que vendeu 8,1 milhões de metros cúbicos diários de gás natural em leilão eletrônico realizado nesta segunda-feira. O fornecimento será para o período de agosto a novembro deste ano. De acordo com a empresa, o volume foi 4% superior às vendas no último leilão, realizado em 25 de março. "Todas as 17 companhias distribuidoras de gás participaram e fizeram lances, convergindo para um preço 51% menor do que o preço médio dos contratos de longo prazo de gás nacional", disse em nota. Na comparação com leilão anterior, o volume ofertado cresceu 25% (de 10 milhões de metros cúbicos diários para 12,5 metros cúbicos diários). Segundo a Petrobras, isso ocorreu porque não há expectativa de despacho termelétrico intenso no período de entrega de gás deste leilão. "Isto decorre da situação atual do nível dos reservatórios das hidrelétricas, acima do esperado, como consequência do atraso no início do período seco este ano", informou a estatal.

Terrorista da chacina na Noruega diz que Brasil é "disfuncional"

O terrorista autor dos dois ataques em Oslo, Anders Behring Breivik, de 32 anos, citou o Brasil em seu documento intitulado "A European Delaration of Independence - 2083" (Uma declaração de Independência Européia - 2083) publicado na internet. Segundo ele, por causa da "revolução marxista brasileira", o Brasil teria se tornado uma mistura de raças o que se mostrou uma "catástrofe" para o país que é "de segundo mundo" com um baixo nível de coesão social. Os resultados seriam os altos níveis de corrupção, baixa produtividade e conflitos entre as diferentes culturas. Breivik ainda classificou o Brasil como um país "disfuncional". Ele ainda discorre sobre o acidente com o Césio-137 em Goiânia, sobre o golpe militar de 1964, e sobre a proclamação da República, em 1889. Com várias referências históricas, o documento assinado por Breivik, com 1.518 páginas, inclui ainda um manual sobre como montar bombas e um discurso contra o Islã e o marxismo, várias referências históricas, detalhes da personalidade de Breivik e um diário dos três meses que precederam o ataque. Breivik destaca "o uso do terrorismo como um meio de despertar as massas", e admite que será lembrado como "o maior monstro nazista desde a 2ª Guerra Mundial". O manifesto revela que o ataque já era preparado desde o outono de 2009 no hemisfério norte. Na manhã desta segunda-feira, Anders Behring Breivik foi levado à corte de Oslo. Ele explicou ao juiz Kim Heger que não se considera culpado pois precisava ter cometido estes atos para enviar "um forte sinal" aos noruegueses e proteger o país contra a "invasão" dos muçulmanos. Ele afirmou que trabalhava em conjunto com "duas outras células". Dois psiquiatras vão avaliar o estado de saúde mental de Breivik, que, segundo a polícia, se manteve calmo durante seu depoimento e parece não ter sido afetado pelos eventos. O juiz determinou que Breivik fique detido por oito semanas, até 22 de agosto, metade das quais deve ficar em solitária e isolamento, sem cartas, telefonemas ou contato com sua família ou a mídia. Breivik foi indiciado por atos de terrorismo. O norueguês de 32 anos disse ainda ao juiz que quis induzir a maior perda possível ao governista Partido Trabalhista, para que não consiga mais recrutar novos filiados. Ele acredita que o partido falhou com o povo ao não protegê-lo de uma "tomada muçulmana" e o preço desta traição foram os ataques de sexta-feira.

Grupo retoma buscas por desaparecidos da guerrilha do Araguaia

O governo federal recomeçou nesta segunda-feira, em Xambioá (TO), os trabalhos de busca por restos mortais de desaparecidos políticos durante a Guerrilha do Araguaia, movimento terrorista armado organizado pelo PCdoB, ainda na segunda metade da década de 60 no Brasil. A expedição é organizada pelo Grupo de Trabalho do Araguaia, criado para localizar, recolher e identificar os despojos. Nesta quarta-feira, a ministra da Secretaria de Direitos Humanos, Maria do Rosário, acompanhará a expedição. O trabalho de campo se estenderá até o dia 4 de agosto. O grupo responsável pelas buscas, reformulado em maio, é coordenado pelos ministérios da Defesa, Justiça e pela Secretaria de Direitos Humanos. Uma equipe técnica pericial, familiares dos mortos e desaparecidos da guerrilha e representantes do Ministério Público Federal também participam das expedições.

Tarso Genro diz que problema no Ministério dos Transportes "tem 20 anos"

O governador do Rio Grande do Sul, Tarso Genro (PT), disse nesta segunda-feira que os problemas no Ministério dos Transportes "têm 20 anos" e que existe uma "instabilidade política muito grande" dentro da pasta. Ele falou que, como ministro da Justiça, no segundo mandato de Lula, chegou a investigar as irregularidades nos Transportes. "Todo mundo sabe que é um problema que tem 20 anos dentro daquele órgão. É muito bom que a presidenta Dilma tenha modificado todo mundo", disse o governador petista do Rio Grande do Sul, que tem se especializado em amenizar as críticas ao seu partido por corrupção generalizada no governo.

Petrobras pode vender fatia em campos para bancar investimentos

A Petrobras estuda vender participações em campos de extração de óleo e gás, em subsidiárias e unidades de produção a fim de obter recursos para financiar seu novo plano de investimentos, de US$ 224 bilhões, entre 2011 e 2015. Segundo José Sérgio Gabrielli, presidente da estatal, a maior parte dos recursos será levantada com a venda de ativos no Exterior. Ao todo, a Petrobras pretende se desfazer de negócios avaliados US$ 13,6 bilhões. Os estudos já começaram e a companhia iniciou também a procurar bancos para assessorá-la a encontrar potenciais interessados em seus ativos. Além da venda de ativos, a estatal também centraliza esforços para atingir a redução de US$ 13,6 bilhões na área financeira.

STJ decide que multa por uso de obra sem autorização não cabe ao Ecad

A multa pelo uso não autorizado de obra artística será determinada pela legislação civil e não pelo Regulamento de Arrecadação do Escritório Central de Arrecadação e Distribuição (Ecad). Foi isso o que decidiu o Superior Tribunal de Justiça em julgamento de ação movida pelo Ecad contra a Academia Vidalonga, no Rio de Janeiro, que teria utilizado publicamente músicas na sua atividade comercial sem autorização dos autores. Para o Superior Tribunal de Justiça, o uso da obra sem autorização não gera vínculo contratual entre o usuário e o autor. Quanto à questão dos valores, o Superior Tribunal de Justiça reconheceu que os titulares do direito autoral têm a opção de fixar o valor pela utilização de seus trabalhos. Entretanto, a lei que regula os direitos autorais não determina expressamente esses valores no caso de uso ilícito. Por isso, deve ser usada a legislação civil e não o Regulamento de Arrecadação. O clube foi condenado ao pagamento dos direitos devidos, mais juros moratórios de 6% ao ano, até a vigência do novo Código Civil, e 12% após a vigência deste.

TV por assinatura cresce 13,7% no primeiro semestre de 2011

No primeiro semestre de 2011, o País ganhou 1,3 milhão de novos acessos à TV por assinatura, um crescimento de 13,7% no período. Até junho, o Brasil registrou 11,1 milhões de casas com o serviço. Só em junho, foram 234,6 mil novos assinantes. Foi uma evolução de 2,16% em relação à base de assinantes do mês de maio, segundo dados divulgados nesta segunda-feira pela Anatel (Agência Nacional de Telecomunicações). Considerando o parâmetro do IBGE de 3,3 pessoas pessoas por casa, os Serviços de TV por assinatura alcançaram mais de 36,6 milhões de brasileiros. Em junho, os serviços prestados via satélite cresceram 3,7%, contra um crescimento de 3,3% registrado no mês anterior. O número de assinantes que recebe os serviços via cabo cresceu quase 0,8% em junho. Em maio, houve crescimento de 0,9%. As prestadoras de MMDS, serviço via microondas, perderam 2% de sua base de assinantes no mês.

Dólar fecha a R$ 1,54, a menor taxa em 12 anos

A taxa de câmbio doméstica registrou um novo preço mínimo para este ano, em níveis equivalentes a de janeiro de 1999. O dólar comercial retrocedeu 0,64% no dia, sendo negociado por R$ 1,543 nas últimas operações do dia. Em cinco dias consecutivos de retração, a taxa cambial já se desvalorizou 2,22%. Operadores das mesas de corretoras de câmbio sugeriram que a oscilação abaixo de R$ 1,55 ( um "piso" sustentando por várias semanas) pode ter levado muitos agentes financeiros a se desfazerem de suas "apostas" no dólar, acelerando o processo de desvalorização. Esse cenário cada vez mais favorece as importações e detona as exportações brasileiras.

Dilma anuncia construção de 750 mil cisternas até 2014

Em discurso para os governadores do Nordeste e sete ministros, a presidente Dilma Rousseff anunciou nesta segunda-feira, em Arapiraca (cidade localizada a 120 quilômetros de Maceió), a construção de 750 mil cisternas no Nordeste até o fim de 2014. De acordo com a presidente, as obras de combate à seca fazem parte do programa "Água para Todos", que complementa o plano Brasil Sem Miséria na região. "Se nós quisermos que o Brasil dê um salto significativo, precisamos fazer com que esse salto comece aqui em Arapiraca, aqui em Alagoas, aqui no Nordeste", afirmou Dilma. Segundo a presidente, o Nordeste foi escolhido como palco de lançamento do plano "Brasil Sem Miséria" pois 60% (9,6 milhões) das 16 milhões de pessoas que vivem em condições de extrema pobreza estão na região. O Banco do Nordeste e o Banco do Brasil vão financiar parte do "Água para Todos", que prevê investimento de R$ 756 milhões, afirmou Dilma. A presidente lembrou que 39,5 milhões de brasileiros ascenderam à classe média durante os oito do governo Lula, "o que equivale a uma Argentina". "Apesar de ter sido uma grande vitória nossa, ainda restam 16 milhões. Não é uma Argentina, mas é um Chile", disse Dilma. Após o discurso da presidente, a ministra do Desenvolvimento Social e Combate à Fome, Teresa Campello, anunciou que o governo pretende incluir mais 800 mil famílias no programa Bolsa Família. Ela acrescentou que o governo federal irá firmar um pacto com os Estados para buscar novos beneficiados pelo programa em áreas isoladas e violentas.

Autópsia de Amy Winehouse é inconclusiva

A autópsia da cantora e compositora inglesa Amy Winehouse realizada nesta segunda-feira não conseguiu determinar a causa da sua morte. Fãs e familiares terão de esperar até um mês pelo resultado dos exames toxicológicos. A cantora e compositora, que enfrentou o vício em álcool e drogas durante anos, foi encontrada morta no sábado, em seu apartamento, por um membro de sua equipe de seguranças. Apesar de uma ambulância ter sido chamada, a cantora já estava morta. A polícia de Londres declarou que a autópsia "não identificou uma causa para a morte" e que aguarda os resultados dos próximos exames, que devem demorar entre duas e quatro semanas para ficarem prontos.

Existência da "partícula divina" será esclarecida até 2012

O Grande Colisor de Hádrons está funcionando "extremamente bem", mas ainda será preciso esperar até o final de 2012 para estabelecer a existência do bosón de Higgs, ou "partícula divina", que se acredita tenha transformado a massa amorfa de partículas em matéria sólida no nascimento do Cosmos. A informação foi divulgada nesta segunda-feira pelo diretor-geral do Cern (Organização Européia de Pesquisa Nuclear), Rolf Heuer, na apresentação dos resultados científicos do primeiro ano de funcionamento do LHC durante a conferência de Física de Alta Energia, que reúne 700 cientistas em Grenoble (sudeste da França). "A resposta à pergunta de Hamlet sobre o bosón de Higgs ser ou não ser estará disponível no final do ano que vem", brincou Heuer. Ele destacou que não se pode esperar "demais" da pesquisa em um curto período de tempo, já que se trata do primeiro ano de trabalho de uma máquina planejada para permanecer em operação por duas décadas. O LHC, um acelerador de partículas construído em um túnel circular de 27 quilômetros e situado sob a fronteira entre França e Suíça, está funcionando melhor do que o esperado. Em seu interior é promovida a colisão entre dois feixes de prótons quase à velocidade da luz e são analisadas as altíssimas energias subatômicas que produzem. O nível de colisões alcançou o objetivo fixado para todo o ano de 2011 e chegou a 70 milhões de colisões de partículas. No entanto, ainda será necessário multiplicar por dez a quantidade de dados estatísticos obtidos para saber se existe ou não o célebre bosón, denominado também "partícula divina", acrescentou Heuer.

Embraer escolhe consórcio IAE como fornecedor de motor do avião de transporte KC-390

A Embraer Defesa e Segurança anunciou nesta segunda-feira que o cargueiro militar KC-390, que está sendo desenvolvido pela companhia, utilizará o motor V2500-E5, fabricado pelo consórcio IAE (International Aero Engines AG). O consórcio multinacional IAE é composto por Pratt & Whitney, Rolls-Royce, Japanese Aero Engine Corporation e MTU Aero Engines, e já entregou 5.500 motores V2500 para 190 clientes em 70 países. As primeiras entregas dos motores V2500-E5 para os protótipos do KC-390 estão programadas para 2013, com os ensaios em vôo iniciando em 2014. O início das operações do cargueiro está previsto para 2015. Além da IAE, a Embraer já definiu que a francesa Messier-Bugatti-Dowty, do Grupo Safran, fornecerá sistemas de rodas, freios, retração e extensão do trem de pouso, além do conjunto hidráulico do controle direcional em solo do KC-390. No total, a Embraer tem assinadas cartas de intenções para a venda de 60 unidades do KC-390, sendo 28 delas para a Força Aérea Brasileira, que substituirá sua frota de aviões C-130 Hercules, da norte-americana Lockheed.

Com saída de Pagot, Dnit funciona com apenas dois diretores

Com a saída de Luiz Pagot anunciada nesta segunda-feira, o Dnit (Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes) funciona com apenas dois dos sete diretores. Pagot estava afastado do órgão desde o início da crise há 23 dias, quando solicitou férias. Ex-diretor-geral da autarquia, ele foi pressionado pelo Palácio do Planalto a deixar o governo após as denúncias de superfaturamento e pagamento de propina. Por causa da crise, a presidente Dilma Rousseff terá a chance de renovar a maioria do comando do Dnit que ocupava os postos desde o governo Lula, com indicações na maioria do PR. As diretorias de Administração e Finanças e de Infraestrutura Aquaviária já estavam vagas antes das denúncias de corrupção. O diretor de Infraestrutura Rodoviária, o petista gaúcho Hideraldo Caron, também não resistiu e pediu demissão na sexta-feira. O diretor-executivo José Henrique Sadok de Sá, que substituía Pagot, foi afastado quando se soube que sua mulher, Ana Paula Araújo, é dona da Construtora Araújo, que assinou contratos para obras por meio de convênios com o próprio Dnit.

Homicídios têm queda de 12,2% em São Paulo no primeiro semestre de 2011

O governador Geraldo Alckmin (PSDB) afirmou na manhã desta segunda-feira que o Estado de São Paulo registrou queda de 12,2% no número de homicídios no primeiro semestre de 2011 em relação ao mesmo período do ano passado. Foram 278 mortes a menos do que no mesmo período do ano passado, quando houve 2.278 homicídios. O anúncio foi feito durante visita de Alckmin à central de flagrantes que funciona no 31º DP (Vila Carrão), na zona leste. Existem atualmente quatro centrais de flagrante em funcionamento na capital paulista, mas a previsão do governo é de que o número chegue a nove no próximo mês. No balanço relativo aos três primeiros meses do ano, o governo já tinha registrado queda de 19% no número de homicídios, em comparação ao primeiro trimestre de 2010.

Balança comercial apresenta superavit de US$ 383 milhões

A balança comercial brasileira apresentou superávit de US$ 383 milhões na quarta semana de julho, em decorrência de exportações de US$ 5,224 bilhões e importações de US$ 4,841 bilhões. De janeiro até a quarta semana de julho deste ano, com 140 dias úteis, o superávit alcançado ficou em US$ 16,100 bilhões, resultado de exportações de US$ 135,827 bilhões e importações de US$ 119,727 bilhões. Em igual intervalo de 2010, com o mesmo número de dias úteis, o saldo havia ficado positivo em US$ 9,371 bilhões.

Pagot cancela férias e pede demissão do Dnit

O diretor-geral do Dnit (Departamento Nacional de Infraestrutura em Transportes), Luiz Antônio Pagot, pediu nesta segunda-feira demissão oficial do cargo. Segundo nota do Ministério dos Transportes, Pagot cancelou suas férias, que iriam até o dia 4 de agosto, e solicitou à presidente Dilma Rousseff sua exoneração. O agora ex-diretor esteve pela manhã na sede do órgão, em Brasília, onde se despediu dos funcionários. Ele foi aplaudido por cerca de 400 pessoas que estavam no auditório do Dnit. Com a saída de Pagot, o governo espera encerrar a pior parte da crise que há 23 dias assola a pasta. O Ministério dos Transportes é alvo de suspeitas de corrupção após reportagem da revista "Veja", no dia 2 de julho, revelar um suposto esquema de pagamento de propinas em obras federais da pasta. Ao todo, já somam 17 as demissões por causa das denúncias de superfaturamento e pagamento de propina envolvendo o ministério, a Valec e o Dnit, incluindo o ex-ministro Alfredo Nascimento (PR-AM).

Morre Michael Cacoyannis, diretor de "Zorba, o Grego"

O cineasta greco-cipriota Michael Cacoyannis, diretor do filme "Zorba, o Grego", morreu nesta segunda-feira, em Atenas aos 89 anos. Nascido no Chipre, Cacoyannis se tornou conhecido internacionalmente com o filme "Zorba, o Grego", premiado com três Oscar em 1964, uma adaptação do romance do escritor grego Nikos Kazantzakis. O elenco contava com Antony Quinn, Alan Bates, Irene Papa e Lila Kedrova, e a música era de Mikis Theodorakis, um dos mais célebres compositores gregos. Seu filme "Electra", baseado na tragédia de Eurípides, recebeu o prêmio de melhor roteiro adaptado no Grande Prêmio da Comissão Superior Técnica do Cinema Francês, em 1962, no Festival de Cannes, onde Cacoyannis competiu seis vezes em sua carreira.

Desde que saiu do Poder, Lula já passou 53 dias em viagens fora de São Paulo

Desde que deixou a Presidência, Lula tem mantido uma agenda intensa. Em sete meses, já fez 27 viagens e passou pelo menos 53 dias fora do Estado de São Paulo, onde mora. Desse tempo, 30 dias foram no Exterior. Mesmo sem mandato, ele viajou mais do que sua sucessora Dilma Rousseff, que passou 45 dias em deslocamento nesses sete meses. No primeiro semestre de seu primeiro mandato, Lula gastou 72 dias em deslocamento. A diferença é que, agora, o o governo não paga mais as viagens de Lula. Mas ele tem a ajuda de amigos, que lhe oferecem jatinhos, e de empresas que o convidam para eventos e bancam os custos. Nos últimos dois meses, sua agenda se intensificou. Caso o ex-presidente fosse pagar todas as viagens, teria gastado pelo menos R$ 53 mil só com as passagens, com as tarifas mais baratas. O ex-presidente ganha um salário de R$ 13 mil do PT e já faturou aproximadamente R$ 2 milhões dando palestras, considerando o cachê de R$ 200 mil estimado pelo mercado. Já foram dez palestras neste ano. Jatinhos foram várias vezes emprestados pela Coteminas, empresa de Josué Alencar, filho do ex-vice José Alencar, principalmente para viagens internacionais.

ANP nega existência de esquema de propina

A ANP (Agência Nacional de Petróleo) contestou ainda no domingo a existência de um esquema de cobrança de propinas dentro do órgão. A denúncia de corrupção foi tema da reportagem de capa da revista "Época" no final de semana. Segundo a revista, a advogada Vanusa Sampaio, que representa companhias do ramo, foi procurada por dois assessores da ANP em 2008. Antonio José Moreira e Daniel Carvalho de Lima disseram falar em nome do então superintendente Edson Silva, ex-deputado federal pelo PCdoB, e explicaram que cobravam propina em troca de facilidades na agência. O encontro foi gravado. Em nota, a ANP rejeitou as acusações, que classificou como "falsidades". Segundo a agência, Moreira e Carvalho nunca foram do quadro de servidores permanentes da ANP. O primeiro é servidor da Procuradoria da Fazenda Federal e foi destacado para o acompanhamento de processos na agência, e o segundo era estagiário. Segundo a ANP, os dois estão fora da agência há mais de dois anos. A nota afirma ainda que Edson Silva nega ter autorizado qualquer pessoa a falar em seu nome para cobrar propina. A ANP negou também que haja aparelhamento político na agência. A ANP é um feudo do PCdoB nos governos petistas.

Rogério Marinho, vice-presidente da Infoglobo, morre aos 92 anos

O jornalista Rogério Marinho, de 92 anos, vice-presidente da Infoglobo, morreu na manhã desta segunda-feira, no Hospital Samaritano, em Botafogo, zona sul do Rio de Janeiro. Segundo a empresa, ele estava internado na unidade desde a última quarta-feira e morreu de insuficiência respiratória aguda. Ele deixa mulher, filha e netos. Era o irmão mais novo de Roberto Marinho.

PT vê chance de vencer em cinturão de classe C em 2012

Em 2012, o PT concentrará esforços para tentar crescer no eleitorado do chamado "cinturão intermediário" da capital São Paulo, onde está a classe média ascendente. O cinturão é formado por bairros que não são nem centrais (onde a prevalência é tucana) nem da periferia extrema (já "fidelizada" ao PT). O que anima o partido a investir nessas regiões são mapas comparativos das últimas eleições. Sem vencer na capital desde o segundo turno de 2002, quando Lula bateu José Serra no segundo turno, o partido experimentou recuperação com Dilma Rousseff, que teve 46% na cidade. O crescimento se deu justamente graças ao ganho de musculatura em bairros como Ermelino Matarazzo, Vila Prudente e Vila Maria. Em alguns deles, o PT conseguiu inverter a "cor" do mapa: do azul do PSDB para o vermelho. Em outros, os tucanos seguem na frente, mas a distância diminuiu. O eleitorado nesses bairros é, predominantemente, de classe média baixa e conservador, e "rompeu" com o partido após a gestão Marta Suplicy, segundo a avaliação da cúpula petista. Já foi malufista, votou em Gilberto Kassab em 2008, mas, segundo avaliação do PT, ainda não se definiu como tucano. O partido traduz da seguinte forma o sentimento antipetista que predominou nos bairros de transição após a gestão Marta: "Nós pagamos os impostos, e o PT gasta na periferia". O maior exemplo usado nos diagnósticos internos é o dos CEUs (Centros Educacionais Unificados). Construídos prioritariamente na periferia, eles deixaram de atender esses bairros. "O morador da Vila Prudente tem de pagar uma escola particular para os seus filhos e ela é pior que o CEU, que é público", explica um cacique petista.

Empresários reclamam da falta de acesso à presidente Dilma

Entidades empresariais estão recebendo seguidas reclamações de filiados que se ressentem de falta de acesso à presidente Dilma Rousseff. Passados os primeiros seis meses de governo, eles dizem colecionar tentativas frustradas para agendar conversas com a petista. O Planalto tem orientado os empresários a procurar os ministros da área de interesse, o que nem sempre agrada. Eles alegam que o estilo de Dilma é mais centralizador, o que necessitaria abrir uma linha direta. Os insatisfeitos comparam: no governo Lula, segundo dizem, havia mais brechas informais para conversas, sobretudo nas viagens nacionais e internacionais, até agora reduzidas na gestão Dilma. O bilionário mexicano Carlos Slim, dono no Brasil da Embratel e da operadora de celular Claro, está na lista dos que tentaram, sem sucesso, agendar conversa com Dilma. Ele queria encontrá-la no fórum de empresários de Comandatuba, em abril, mas a presidente cancelou a participação na última hora.

Irmão de princesa é uma das vítimas do massacre na Noruega

O meio-irmão da princesa Mette-Marit, da Noruega, está na lista das 86 vítimas do massacre na ilha de Utoya, nos arredores de Oslo, anunciou o Palácio Real nesta segunda-feira. Trond Berntsen, de 51 anos, era policial, mas não estava a serviço no momento do ataque. Ele tentou deter o atirador depois de salvar seu filho. O atirador não hesitou por um segundo durante sua fúria assassina e matou o policial, que não estava armado. Bernsten estava em Utoya porque tinha sido contratado como segurança particular pelos 600 jovens reunidos em um acampamento de verão da juventude trabalhista na ilha. Bernsten era filho do segundo marido da mãe de Mette-Marit, que se tornou princesa em 2001, após o casamento com o príncipe herdeiro, Haakon.

Mercado eleva cenário de inflação em 2012 para 5,28%

O mercado financeiro manteve suas previsões para a inflação em 2012 e nos 12 meses à frente, segundo o relatório Focus divulgado pelo Banco Central nesta segunda-feira. A expectativa para a alta do IPCA (Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo) deste ano permaneceu em 6,31%, enquanto a de 2012 subiu de 5,20% para 5,28%. A meta do governo para a inflação nos dois anos tem centro em 4,5% e tolerância de dois pontos percentuais. O prognóstico para a taxa em 12 meses subiu pela sexta semana consecutiva, de 5,37% para 5,40%. O prognóstico para a Selic ficou em 12,75% para este ano, enquanto para 2012 subiu de 12,63% para 12,75%. A estimativa para o crescimento do PIB em 2011 seguiu em 3,94%, enquanto o cenário para 2012 foi mantido em 4,00%.

Moody's rebaixa Grécia e alerta que default é quase certo

A agência de classificação Moody's reduziu a nota de dívida da Grécia em três graus nesta segunda-feira, para "Ca", apenas um grau acima do default (suspensão dos pagamentos), dizendo que um novo pacote de resgate é um precedente negativo para os credores de outros países endividados. Na semana passada, a zona do euro chegou a um acordo para um novo pacote para a Grécia. O rebaixamento da nota significa que a Grécia tem agora o menor rating entre todos os países cobertos pela Moody's. "Assim que a troca for completada, a Moody's vai reavaliar o rating para assegurar que ele reflita o risco associado com o novo perfil de crédito do país, incluindo o potencial de mais reestruturação de dívida", disse a agência. A Moody's alertou que, apesar de se esperar alguma redução de dívida por conta do pacote de resgate, a Grécia ainda enfrenta desafios de solvência de médio prazo. A chamada crise da dívida europeia foi uma consequência da crise econômica de 2008. Para proteger a economia, os governos aumentaram suas despesas. Aqueles que já tinham gastos públicos elevados viram a dívida estourar, junto com as taxas de juros. Essa bola de neve levou os países periféricos a atingir deficits públicos recordes, perdendo a capacidade de pagar a dívida.

ING vende área de seguros na América Latina por 2,6 bilhões de euros

A instituição financeira holandesa ING vai vender a maior parte de suas operações na América Latina para o GrupoSura, da Colômbia, por 2,6 bilhões de euros (US$ 3,7 bilhões) em um acordo que resulta do pacote de resgate estatal recebido em 2008. A operação não envolve a participação de 36% que o ING possui na seguradora brasileira Sul America, que o grupo holandês vai vender separadamente. O ING concordou em dividir suas operações de seguro e bancária em troca da aprovação pela Comissão Européia de um pacote de ajuda estatal de 10 bilhões de euros. A instituição afirma que planeja pagar o empréstimo à Holanda até maio de 2012, após uma série de vendas de ativos. A venda da área latino-americana de seguros e de investimentos abre caminho para a venda das operações nos Estados Unidos, Europa e Ásia, que são avaliadas em cerca de 18 a 19 bilhões de euros. O ING informou que planeja vender as operações nos Estados Unidos, Europa e Ásia por meio de duas ofertas públicas iniciais. Mas alguns analistas afirmam que o grupo poderia obter um valor maior para as unidades de seguro por meio de venda a outros grupos em vez de por ofertas iniciais de ações. "É um grande negócio para o ING, particularmente pelo preço. Eles estão conseguindo um bom lucro com isso", disse Tom Muller, analista da Theodoor Gilissen. A venda anunciada nesta segunda-feira envolve operações de seguro, aposentadoria, poupança e administração de investimentos no Chile, Colômbia, México, Uruguai e Peru por 2,6 bilhões de euros em dinheiro. O GrupoSura vai também assumir 65 milhões de euros em dívidas. O GrupoSuro, ou Grupo de Inversiones Suramericana, é uma holding da área financeira listada na bolsa de valores da Colômbia. O ING informou que a venda vai criar um grupo latino-americano de poupança e investimentos com cerca de US$ 120 bilhões em ativos sob administração e operações em oito países.